GPA recolhe cervejas artesanais de marca própria por problema de qualidade

0 140

O GPA recolheu neste fim de semana todas as garrafas da Fábrica 1959, marca própria de cerveja especial do grupo lançada em novembro do ano passado.

O Valor apurou que o grupo enviou um comunicado para todas as lojas do Pão de Açúcar e Extra solicitando a retirada imediata das cervejas Fábrica 1959 – pilsen puro malte, witbier, IPA e weiss. No comunicado enviado às lojas, o motivo citado para a retirada dos produtos eram “problemas de qualidade”.

Procurado, o GPA informou que “a Fábrica 1959 realizou, espontaneamente, a retirada de seus produtos dos pontos de venda, após detectar variação no sabor (mais azedos do que o normal) em testes sensoriais realizados em alguns rótulos do lote número 1”.

De acordo com o grupo varejista, não existe risco à saúde do consumidor. “A marca optou pela ação preventiva para garantir a melhor experiência aos seus clientes”, informou o GPA em nota.

De acordo com a companhia, a indústria fornecedora da cerveja, a Cervejaria Imigração, de Campo Bom (RS), já foi acionado para refazer os testes para identificar a causa da alteração no sabor do produto.

Quando lançou a marca no fim do ano passado, o GPA havia informado que esperava fechar 2019 com vendas de 18 milhões de unidades de cervejas especiais de todas as marcas, nas redes Extra e Pão de Açúcar. De acordo com a companhia, as vendas de cervejas especiais na rede cresciam 30% ao ano.

 Veja o comunicado emitido pelo GPA

Reiterando o seu compromisso com a qualidade e a transparência no relacionamento com os seus consumidores, a Fábrica 1959 informa que na última semana realizou, proativamente, a retirada de seus produtos dos pontos de venda após detectar variação no sabor (mais amarga do que o normal) em testes sensoriais realizados em alguns rótulos de lotes específicos dos tipos Pilsen e Weiss. O fornecedor foi imediatamente acionado e, após concluir as análises, foram identificadas alterações sensoriais no lote 1 do estilo Pilsen e nos lotes 1 e 2 do estilo Weiss decorrente da incorporação maior de oxigênio durante o envase. Tal característica não traz qualquer risco à saúde do consumidor e os ajustes necessários já foram realizados para que fatos como esse não ocorram novamente. Mesmo assim, a marca optou por descartar os lotes citados a fim de garantir a melhor experiência aos seus clientes. Nada foi constatado nos demais lotes e estilos da Fábrica 1959.

A Fábrica 1959 se coloca ainda à disposição dos seus consumidores para esclarecer qualquer dúvida adicional por meio do canal de atendimento: 0800-15-2134. O consumidor poderá efetuar a troca dos produtos dos lotes indicados ou solicitar o ressarcimento na loja em que realizou a compra.

 

 

Fonte Valor Investe
Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.