Dia das Crianças: Varejo espera aumento de 3% nas vendas em São Paulo

0 362

As vendas do Dia das Crianças devem crescer 3% neste ano. Os dados são referentes ao levantamento feito pela FCDLESP (Federação das Câmara de Dirigentes Lojistas do Estado de São Paulo). A pesquisa contou com a participação das principais Câmaras de Dirigentes de Lojistas do estado.

Em 2020, mesmo com a pandemia, as vendas neste período registraram um aumento em relação a 2019. Um dos principais fatores para esse crescimento foi a consolidação do e-commerce, hábito que foi potencializado por conta das restrições impostas e as tendências de consumo da pandemia.

A pesquisa também aponta que cerca de 70% dos lojistas estimam que os shoppings irão receber a maior parte dos consumidores. Com isso, o segmento de brinquedos e eletrônicos será o mais procurado nesse período.

A FCDLESP apontou que essa data, diferente de outras datas sazonais, tem um perfil de consumidor diferente. Esse perfil é constituído por familiares e parentes, não só os pais da criança. Esse hábito de outros parentes também presentearem as crianças, gera uma expectativa por bons números.

Alguns comerciantes questionados durante a pesquisa afirmaram que a data comemorativa tem potencial para alavancar as vendas. Entretanto, serão necessários descontos, promoções, facilidades no pagamento e estratégias digitais para incentivar um crescimento na demanda.

O Dia das Crianças, comemorado no dia 12 de outubro, é a terceira data mais importante para o varejo nacional. Normalmente, os lojistas e especialistas da área afirmam que o volume de vendas nesse período funciona como termômetro para as vendas de final do ano. “Neste ano, o Dia das Crianças servirá como indicador da retomada do varejo, mostrará o comportamento do consumidor. Com o avanço da vacinação e fim das restrições, esperamos que a retomada para o comércio aconteça, na prática, e colabore com um crescimento para 2022”, afirmou Maurício Stainoff, presidente da FCDLESP.

Fonte Mercado e Consumo
Notícias Relacionadas
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.