Supermercadistas aguardam 2016 com otimismo

0 43

O setor supermercadista mostra maior otimismo em relação ao próximo ano. Expectativa da Associação Brasileira de Supermercados (Abras) é que em 2016 o segmento apresente leve recuperação e feche o ano com crescimento de 0,4%.

“A nossa projeção é que o PIB [Produto Interno Bruto] fique em -0,8%, mas com os esforços podemos encerrar 2016 em leve alta de 0,4%”, disse o presidente da entidade, Fernando Yamada. “A taxa de desemprego está na casa dos 9% e isso vai continuar a afetar os nossos resultados”, afirmou.

Em sua terceira revisão para baixo, a Abras projeta que o segmento terá retração de 0,30% em suas vendas em 2015. Isso seria o mesmo que o pior desde 2006, quando a retração foi de 1,65%.

A expectativa no início do ano era que o varejo alimentar tivesse incremento de 3%, já que está relacionado à aquisição de itens de primeira necessidade.

“Mesmo assim mantemos o otimismo e vamos tentar reverter esse quadro para fechar o ano no positivo”, afirmou Yamada, durante a Convenção Abras 2015.

Para tentar minimizar os efeitos negativos impostos pela crise, Yamada afirmou que os supermercadistas estão mais atentos às necessidades de seus consumidores e focando esforços na eficiência das operações. “Temos desenvolvido projetos para melhorar a produtividade no setor. Hoje, 2% do faturamento é revertido para custos em energia. Temos discutidos junto ao Ministério de Minas e Energia a geração de energia própria com painel solar”, disse o presidente.

Notícias Relacionadas
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.