Delivery: compras crescem 59%; alimentação e saúde aumentam faturamento,

0 91

Em meio à desidratação que a covid-19 provocou especialmente no varejo físico, os números da Rede confirmam que o modelo de vendas com entrega em domicílio tem sido um oásis para os comerciantes.

No comparativo entre abril e o período anterior às medidas de isolamento, as compras cresceram 59% no esquema de delivery.

Negócios dos ramos de Alimentação e Saúde, especificamente, viram aumento de 15% no faturamento e de 9% no tíquete médio das operações nesse modelo.

Mais um fator que chama a atenção está relacionado à Páscoa, principal data comercial de abril: dobrou o volume de vendas pela internet durante o fim de semana estendido (9 a 11/4), em relação ao que se vendeu no ano passado em período equivalente (19 a 21/4).

Notícias Relacionadas
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.