Após acidente na França, ANAC emite nova recomendação às companhias aéreas

0 40

A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) recomendou, nesta terça-feira (31), que as companhias aéreas implementem procedimentos que assegurem a permanência de pelo menos duas pessoas autorizadas na cabine de comando, em todos os momentos do voo, sendo que pelo menos uma delas seja sempre um piloto.

A recomendação acontece dias depois do acidente aéreo do voo 4U9525, da empresa Germanwings, que matou 150 pessoas em um vôo que ia da Espanha para a Alemanha. As investigações apontam que o copiloto se aproveitou da ausência do piloto para trancá-lo do lado de fora e lançar a aeronave em meio aos Alpes franceses.

[fwduvp preset_id=”0″ playlist_id=”0″][fwduvp preset_id=”0″ playlist_id=”0″]Segundo a ANAC, “essa recomendação está em consonância com a de outras autoridades reguladoras da aviação civil do mundo”. A agência ressaltou que ela poderá ser revista em função de sua execução ou de novas informações sobre o acidente com o voo 4U9525.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.