Profissionalização dos eSports gera interesse internacional

0 41

Com as mudanças que se operam no mundo, os conceitos também estão se modificando e, hoje em dia, tanto o mundo do trabalho como o universo dos esportes estão se adaptando para receber um desses novos conceitos: os eSports. Venha compreender como a profissionalização dos eSports está criando novas tendências.

A revolução digital está mudando a forma como o mundo funciona. Hoje, muito mais do que um espaço de lazer, a web surge como um espaço onde vários mercados e setores se desenvolvem, criando novas oportunidades e também novas formas de viver.

Nas últimas décadas, a criação de novas formas de tecnologia, bem como o aparecimento de dispositivos mais acessíveis e de aplicativos mais variados, permitiu que as pessoas comuns começassem a descobrir o potencial do online como forma de concretizar suas ideias e seus sonhos empreendedores.
Nos últimos anos, o Brasil tem sido um bom exemplo desse empreendedorismo digital, com cada vez mais profissionais a escolher o online para lançarem suas marcas e seus negócios.

Um dos mercados que está em crescimento é o dos eSports. Muito mais do que os aclamados videogames, esses jogos digitais online estão passando a ser considerados parte do mercado laboral e também do setor esportivo.

Compreenda como esses jogos eletrônicos estão revolucionando o mercado de trabalho e também o mercado esportivo.

Século XXI: o momento em que os eSports viram esporte

Os jogadores de videojogos online – incluindo RPG ou MOBA – sabem bem que esses jogos não são apenas parte do mercado do entretenimento.

Esse tipo de jogo é vivido com grande seriedade, se tornando uma modalidade praticada de forma até profissionalizada por muitos gamers que encaram os universos dos games como uma modalidade esportiva.
Mas não são apenas os jogadores! Como você pode ver aqui, o mundo dos eSports é de tal forma considerado um esporte que as próprias casas de apostas online estão integrando as mesmas em suas ofertas, trazendo a possibilidade de apostar em jogos tão diversos como Dota 2, League of Legends, FIFA e muitos outros.

Esse interesse pelos videogames online como se fossem esportes faz sentido, se você considerar que já existe um vasto mercado construído em torno dessas narrativas, que culmina com torneios e campeonatos internacionais, com prémios milionários e até mesmo transmissão televisiva.

A profissionalização dos eSports

Uma vez que o interesse pelos games já não é somente lúdico, muitas pessoas – incluindo gamers – encontraram sua via profissional nesse setor.

Além dos jogadores, muitas pessoas estão trabalhando como criadoras de conteúdos no Twitch ou no Youtube recorrendo a esses jogos. Entre as formas como esses criadores estão desenvolvendo seu trabalho existem variantes mais lúdicas – como gamers que jogam em live – e outras mais sérias, onde são feitas análises profundas do jogo e de todo o seu potencial. Os campeonatos estão também em foco nesse tipo de conteúdos.

Existe ainda um vasto mercado paralelo, de espaços de ecommerce que estão explorando a imagem dos jogos em seus artigos para cativar os amantes dos eSports.

 

Notícias Relacionadas
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.