Número de e-commerces que utilizam débito aumenta em 70% no Brasil

0 52

Uma nova era do comércio eletrônico está para começar no Brasil e um dos principais motores dessa transformação será o débito. O método de pagamento deve trazer um novo perfil de consumidores para o e-commerce brasileiro: pessoas que não têm crédito, mas querem ser incluídas digitalmente. Para se ter uma ideia, entre junho de 2018 e junho de 2019, houve um crescimento superior a 70% no número de estabelecimentos comerciais online que realizaram transações de débito Visa, segundo dados da consultoria Visa Consulting & Analytics.

O protocolo 3D Secure 2.0 deve impulsionar esse crescimento, segundo a Visa. “Essa tecnologia leva o débito para o e-commerce com segurança e melhora a experiência do usuário. Acreditamos que o débito é um excelente aliado na inclusão digital dos brasileiros, que ainda não têm acesso ao mundo online. E deve aumentar a conversão das vendas dos estabelecimentos comerciais”, conta Fernando Teles, country manager da Visa do Brasil.

Fluxo de comunicação

Segundo a empresa, a atualização do protocolo 3DS 2.0 estabelece um fluxo de comunicação e troca de informações entre a administradora, emissores, credenciadores e estabelecimentos comerciais para aprovação das transações com mais assertividade, o que deve contribuir para um aumento da conversão das vendas virtuais e para a redução de fraude. A nova versão oferece 10 vezes mais informações que os comerciantes poderão enviar aos emissores para verificar a identidade do portador do cartão.

“Recentemente, realizamos a primeira transação com essa nova versão do protocolo no Brasil e a indústria de pagamento (emissores, credenciadores e estabelecimentos comerciais) está se preparando para implementar e oferecer os benefícios do 3DS 2.0 ainda esse ano para os consumidores”, conta Teles.

A Dafiti está entre as empresas que vão aderir à este novo protocolo. “Atualmente ainda há muitas oportunidades de alavancarmos as vendas com cartão de débito no universo online. Para nós, o 3DS 2.0 contribuirá neste sentido, proporcionando uma melhor experiência de compra para nossos clientes através de uma transação segura e eficiente”, pontua Rafael Carneiro, Payments & Treasury Senior Manager da Dafiti.

Pagamento com aplicativos

Outro movimento que vem ganhando espaço e popularizando o débito no mundo online, é a possibilidade de usar o débito em aplicativos. A novidade tem sido implementada principalmente em empresas digitais que buscam uma usabilidade sem interrupções, ticket médio baixo e recorrência, como os aplicativos e serviços digitais de streaming e de transporte compartilhado.

“No caso da Cabify, o pagamento em débito online busca a inclusão digital de pessoas que não têm acesso a um cartão de crédito ou têm restrição de limite de crédito. A adição desse método de pagamento permite que mais usuários tenham acesso à uma modalidade segura e comoda. Agora, com o cartão de débito cadastrado no app, o processo da transação é mínimo, visto que não é necessário a re-inclusão do cartão e senha a cada operação, trazendo muita agilidade ao final da corrida”, afirma Nicolas Scridelli, head de alianças e novos negócios da Cabify.

Ainda segundo a Visa, a solução desenvolvida com emissores brasileiros possibilita a ultilização do débito em larga escala, sem maquininha, direto no app, sem necessidade de re-inclusão de senha a cada operação. Após o piloto realizado em 2017, o débito passou a ocupar um espaço importante entre os novos negócios, como mobilidade, streaming, serviços de delivery, entre outros.

Fonte e-commerce Brasil
Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.