Grupo Mateus inaugura 11 lojas e fatura R$ 3,8 bilhões no primeiro tri

0 1.246

Na manhã de quinta-feira, 13, o Grupo Mateus abriu sua primeira loja no estado do Ceará. A empresa escolheu a cidade de Tianguá, no noroeste cearense para inaugurar um Mix Atacarejo. O início da operação do Grupo em mais um estado do Nordeste coincide com a divulgação dos resultados do 1T 21. Só no primeiro trimestre deste ano o Grupo Mateus inaugurou 11 lojas, totalizando 43 novas lojas nos últimos 12 meses, um ganho de mercado de 10% de receita bruta em relação ao 1T20. O aumento de market share está atrelado ao potencial de adensamento de novas rotas e cidades, alinhado à proposta de valor diferenciada de serviços (peixaria, açougue e padaria) e de mix de produtos em todos os canais de vendas do Grupo.

Mesmo com ambiente economicamente adverso, a companhia registrou um aumento de 57% no número de aberturas, se comparado ao mesmo período do ano passado. E as novas lojas tiveram uma performance acima das lojas maduras e representaram 20% da receita bruta, reflexo do potencial existente em mercados ainda não explorados.

O Grupo Mateus atingiu a receita bruta de R$ 3,8 bilhões no 1T 21, o que representa um crescimento de 36,1%. O EBITDA ajustado totalizou R$ 220 milhões, um aumento de 41,6%. “Oferecemos uma experiência de compra diferenciada, com serviços e um mix de itens estendido, que inclui produtos regionais e nacionais. Essa estratégia gerou uma rápida integração com o mercado, bem como a fidelização de clientes”, comentou Ilson Mateus, presidente do Grupo Mateus. Estratégia que resultou em um crescimento significativo da empresa, mesmo em um cenário de forte concorrência, com players nacionais e regionais. Com um lucro líquido de R$ 157 milhões, o Grupo Mateus obteve um crescimento de 53,9%. Já o lucro bruto foi de R$ 802 milhões, com um expressivo aumento de 32% em comparação ao primeiro trimestre de 2020.

Ilson Mateus, presidente do Grupo Mateus
Atuação

Atuando nos estados do Maranhão, Pará, Piauí e agora, também no Ceará, a companhia soma resultados positivos em todos os seus canais. Na venda externa, o crescimento foi de 8%; no varejo, este número salta para 38,2%; no atacarejo, 46,1%; já o Eletro chegou ao impressionante percentual de 63,3%. Os números especificamente do atacarejo chamam a atenção se for observado o percentual de crescimento do setor no Nordeste e no Brasil, cerca de 16,5% e 18,7%, respectivamente, segundo a Nielsen, empresa global de dados e medição. “Nos diferenciamos ao apresentar um crescimento de 46% para o segmento, mesmo em um cenário com ausência do auxílio emergencial, do carnaval, das vendas de material escolar – em função da suspensão do retorno das aulas físicas – e um dia adicional em fevereiro de 2020”, comentou José Morgado, CFO do Grupo Mateus.

A estratégia da empresa é se consolidar em estados onde já atua. “Também estamos em constante estudo de oportunidades para entrar em novos mercados no Norte/Nordeste, sem perder o foco nos nossos pilares: logística, serviços, tecnologia e pessoas”, reforçou o empresário, Ilson Mateus.

 

 

 

 

Notícias Relacionadas
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.