AB InBev lança processo para substituir Carlos Brito na presidência, diz jornal

0 72

A AB InBev, fabricante das cervejas Budweiser e Stella Artois, começou um processo para substituir seu presidente-executivo, Carlos Brito, o brasileiro que liderou a consolidação da empresa como a maior cervejaria do mundo durante seus 16 anos de mandato, informou o Financial Times.

A companhia considera nomes de fora para o cargo, segundo o jornal — uma mudança significativa a empresa, que se orgulha de privilegiar a cultura local. O único candidato ao posto de dentro da empresa é Michel Doukeris, diretor das operações da AB Inbev na América do Norte. Outros nomes previamente apontados como possíveis candidatos, como Davi Almeidda (diretor de estratégia) e Pedro Earp (diretor de marketing), saíram da rodada.

Caso o processo não resulte em um resultado satisfatório, Brito continuará no comando da empresa por mais algum tempo, afirmou uma fonte do Financial Times. Após deixar o cargo, o atual CEO deverá entrar para o conselho da AB InBev.
A empresa não comentou o assunto.

As mudanças na liderança ocorrem em um momento em que a a empresa luta acumula uma dívida bilionária, fruto da aquisição da SABMiller por de cerca de R$ 551 bilhões.

A saída de Carlos Brito marcaria o fim de uma era para a indústria cervejeira, depois que Jean-François van Boxmeer também deixar o cargo na Heineken neste ano.

“Brito liderou a expansão de uma cervejaria regional da América Latina para a maior fabricante de cerveja do mundo, alimentada por negociações agressivas, uma cultura de equipe liderada por bônus e cortes de custos ferozes nos negócios que adquiriu”, diz o Financial Times.

Fonte 6 Minutos
Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.