FAAP e Sebrae/SP firmam parceria para estimular o empreendedorismo

0 42
Cerveja 1500 – Sidebar

O Centro de Empreendedorismo da Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP) e a Escola de Negócios do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de São Paulo (Sebrae) acabam de anunciar uma parceria.  O objetivo é estimular a carreira empreendedora dos alunos de todos os cursos de graduação da instituição, por meio de apoio a projetos e ações laboratoriais que permitam a vivência do dia a dia do empresário.

“A parceria da FAAP com o Sebrae/SP com certeza criará condições concretas para o surgimento de novos empresários”, assegura o diretor da Faculdade de Administração, em que o Centro de Empreendedorismo é vinculado,  professor Silvio Passarelli, para quem o empreendedor é a base de sustentação da sociedade democrática.

Do ponto de vista do Sebrae SP, Alencar Burti, presidente da entidade, diz que esse trabalho conjunto será muito interessante para os alunos colocarem em prática toda a teoria administrativa assimilada em salas de aula. “Mas antes de decidir seu futuro negócio, o jovem deve fazer uma autoavaliação, pesquisar o setor de interesse e trocar ideias com familiares, amigos, professores e consultores”, sugere.

O primeiro passo, segundo a coordenadora do Centro de Empreendedorismo da FAAP, Alessandra Andrade, foi o lançamento em setembro de um projeto desafio, sob o título #EmpreendaFAAP, que já tem a adesão de 70 alunos, a maioria com planos de negócios em andamento.

Viés empreendedor
Pesquisa realizada em junho deste ano pelo Centro de Empreendedorismo, sobre o perfil empreendedor dos alunos, revelou um público altamente empresarial.  De um universo de 500 jovens das seis faculdades (Artes Plásticas, Comunicação e Marketing, Administração, Direito, Economia e Engenharia) que responderam a pesquisa, 15,6% pretendem empreender assim que terminar o curso e 12% querem ser ou já são sucessores em empresas familiares. Em relação à área de atuação, 58,2% pensam em atuar no setor de serviços, 22,4% na indústria e 17,9% no varejo. 

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.