Baixo salário dificulta mudança de emprego de executivos

0 20

Enquanto a taxa de desemprego está em seu nível mais baixo em algumas regiões do País, o atual cenário econômico parece afetar quem está no topo da pirâmide hierárquica das empresas, informa o IG.

De acordo com uma pesquisa inédita da Michael Page, líder mundial em recrutamento executivo de média e alta gestão, feita com 1500 profissionais do Brasil, Chile, Colômbia, Argentina e Mêxico e divulgada com exclusividade ao iG, 20% dos executivos latino-americanos apontam que a principal dificuldade em mudar de emprego é a falta de oferta de vagas.

Para João Marco, diretor da Michael Page, o resultado já era esperado. “Surpreendente nunca é, haja vista o cenário macroeconômico que a gente vem encontrando”, observa. A produção industrial caiu em 11 de 14 locais pesquisados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) entre maio e junho. A Argentina, por sua vez, passa por uma crise econômica que já tirou US$ 1,9 bilhão do Brasil. Com as quedas dos indicadores da América Latina, as empresas estão mais cautelosas em contratar novos executivos.

Outra consequência desse cenário é a oferta de vagas com um salário mais baixo em relação ao que era oferecido há alguns anos, motivo apontado por 19% dos entrevistados como o maior obstáculo para não conseguirem um novo emprego, seguidos de 15% que se queixam mais dos longos processos seletivos que teriam de passar.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.