10 habilidades difíceis de aprender mas que valem para a vida toda

As melhores coisas da vida podem não custar dinheiro algum – mas isso não significa que você não leve tempo, faça esforço ou empenhe-se para conquistá-las. Isto é principalmente válido quando trata-se de aprender certas habilidades difíceis, mas que irão ser úteis a vida inteira. Mais quais seriam estas habilidades? A pergunta foi feita na rede social Quora e o site Business Insider selecionou as 15 melhores respostas. Leia abaixo e reflita se as habilidades listadas podem lhe ajudar – independente do tamanho dos desafios que têm pela frente:

1. Empatia

“Você pode ser a pessoa mais disciplinada, brilhante e até rica – mas se você não se preocupar em ter empatia com outras pessoas, você basicamente vai parecer um sociopata”, escreveu a usuária Kamia Taylor. Empatia é uma habilidade fundamental que tem sido repudiada de maneira geral no meio dos negócios modernos, analisa a empresária Jane Wurdwand. “Mas empatia é a habilidade de sentir o que os outros sentem. É isso que motiva as pessoas a realizarem um bom trabalho, as faz querer ir além de realizar apenas aquilo pelo que são pagas”, disse.

2. Saber gerenciar

Gerenciar bem uma equipe é uma das habilidades mais valorizadas pelos funcionários. Como não há uma fórmula exata de fazer isso, é importante encontrar um meio que funcione para você e para todos, escreveu Alina Grzegorzewska. “O mais difícil para mim foi aprender como agir. Como organizar todas as tarefas, programá-las, e conseguir fazer tudo no tempo correto de acordo com o restante do time”.

3. Organizar o seu sono

Há tantas dicas para conseguir ter uma boa noite de sono. Mas, independente daquilo que deseja seguir, estabeleça um ritual que irá se repetir todos os dias e garantir que você, de fato, descanse. Inúmeros estudos mostram que ter um sono consistente ajudará você no dia a dia de trabalho.

4. Pedir ajuda

“Uma vez me disseram durante uma entrevista de emprego: você não terá esse trabalho caso você não peça ajuda quando precisar”, escreveu Louise Christy. “Claro que eu disse que pediria por ajuda. Tempo depois, aquela mesma pessoa que me deu o emprego gritou porque estava sobrecarregada, mas não conseguia admitir isso e nem pedir ajuda”. Louise explicou que o ato de pedir ajuda, e admitir que você precisa que alguém lhe diga como fazer algo, é extretamente difícil de adquirir – já que isso comumente é visto como sinal de fraqueza ou incompetência. Mas um recente estudo da Harvard Business School mostra que fazer isso lhe faz ser visto como mais capaz- e não o contrário. Segundo os autores do estudo, quando você pede por algum conselho, você valida aquela inteligência ou expertise, o que aumentará suas chances de obter sucesso naquela tarefa ou ação.

5. Pense positivo sobre si mesmo

“Não importa mais o que os outros pensam sobre você”, defendeu Shobhit Singhal. “Mas, sim, o que você pensa de si mesmo – o problema é que leva-se tempo para construir confiança sobre nós mesmos e a habilidade de continuar acreditando na nossa capacidade mesmo que ninguém mais acredite”, disse. Nesse aprendizado, vale a pena afastar a negatividade que às vezes toma conta de nós e ofusca a confiança em nós mesmos, disse Betsy Myers, diretora do The Center for Women and Business da Bentley University.

6. Saiba quando ficar calado

Você não pode simplesmente sair por aí se lamentando por tudo acontece. Em alguns casos, o melhor a fazer é simplesmente ficar quieto”, escreveu Roshna Nazir. E esses casos são muitos: “quando você está com raiva, chateado, agitado ou é contrariado. Nós tendemos a explodir por qualquer coisa e isso toma conta de toda nossa cabeça. E, depois, a chance de se arrepender é enorme”, escreveu Anwesha Jana. Manter-se de boca fechada nesses momentos é uma habilidade valiosa e muito difícil de conquistar. Mas pode te salvar de vários arrependimentos.

7. Saiba escutar o que ouve

“Muitos de nós estão sobrecarregados no trabalho – e há mensagens novas toda hora, telefones tocando, TV ligada. Nosso cérebro só consegue tolerar tantas informações simultâneas antes de dormimos”, disse Nicole Lipkin, autora “What Keeps Leaders Up At Night”. Uma dica para manter-se em estado de escuta permanente é repetir para si mesmo o que outra pessoa disse momentos antes. “As coisas tornam-se muito mais simples quando todo mundo está na mesma sintonia”, disse.

8. Resistir às fofocas

“O que aprendi de mais importante na minha vida é cultivar boas relações. E, para isto, é fundamental construir e manter a confiança nas pessoas”, escreveu Jason T Widjaja. Uma das maneiras mais fáceis de perdê-la é fazendo fofoca pelas costas. Widjaja disse que acabou percebendo que fazer fofoca o distanciava das pessoas influentes e de conversas importantes. “A recompensa que você recebe por não entrar nessa é enorme”, diz Widjaja

9. Aprender uma nova língua

Essa habilidade lhe permitirá conversar com um maior número de pessoas e, com certeza, lhe dará maiores oportunidades profissionais. “Dominar o inglês foi um presente incrível na minha vida. Eu ganhei uma nova forma de ver as coisas e de pensar”, disse o húngaro Balázs Csigi, CEO da Metaphor English. Csigi diz que a chave para aprender outra língua é dominar a cada parte de sua cultura – não é fácil e esta é uma busca permanente.

10. Falar em público

Falar em público pode ser um enorme desafio para a maioria das pessoas. Até mesmo o bilionário e megainvestidor Warren Buffett sofre com isso. Buffett comentou que uma vez ficou tão aflito em fazer um discurso público que achou que iria vomitar. Leva-se tempo para conseguir falar em público de um modo mais seguro.”É uma questão de prática – faça e pratique”, disse Buffett.

Fonte Época Negócios
Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.