Cisão entre GPA e Assaí é aprovada

0 137

O GPA e a sua subsidiária Sendas Distribuidora informaram na quinta-feira (31) que, em assembleias gerais extraordinárias realizadas nesta data, os acionistas de cada uma das companhias aprovaram proposta de reorganização societária que compreende a cisão parcial da Sendas, com a segregação da participação de Sendas no grupo Éxito S.A.. O grupo colombiano é controlado pelo GPA desde 2019.

A reestruturação ainda envolve a transferência de certos ativos operacionais, com a incorporação do acervo cindido pelo GPA. Também inclui a cisão parcial do GPA, com a segregação da totalidade da participação acionária que o GPA detém em Sendas.

Haverá a entrega das ações de emissão de Sendas de propriedade do GPA diretamente aos acionistas do GPA, na razão de uma ação de emissão de Sendas para cada ação de emissão de GPA.

A assembleia geral extraordinária do GPA contou com a participação de acionistas representando 64,4% do capital social votante, tendo a separação de Sendas e GPA aprovadas por 99,99% dos acionistas que participaram da votação.

Esses movimentos fazem parte de um processo de reorganização dos negócios do GPA, iniciado neste ano, e que envolve a cisão da sua rede de atacarejo Assaí.

O GPA diz que, conforme informado anteriormente ao mercado, a Sendas, que obteve o registro de companhia aberta perante a CVM em 11 de dezembro de 2020, apresentou pedido de listagem de suas ações no Novo Mercado da B3 e irá apresentar um pedido para que seus American Depositary Securities(ADSs) sejam listados na New York Stock Exchange.

 

Fonte Valor Econômico
Notícias Relacionadas
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.