Pesquisa mostra que as avaliações dos consumidores são as informações mais relevantes no e-commerce

0 50

As avaliações de outros consumidores são as informações mais importante na hora da compra no e-commerce. Isso foi o que apontou o estudo realizado pela Lett e Opinion Box para compreender quais fatores são mais relevantes dentro de uma página de produto.

O estudo, realizado com mais de 2 mil consumidores, mostrou que em relação às informações nas páginas dos e-commerces, as avaliações online são o fator que mais impacta as decisões de compra dos shoppers. Em seguida, aparecem descrições, comentários, imagens, categorização e busca.

A pesquisa mostrou como os consumidores avaliam os produtos no e-commerce. Quando a experiência de compra é satisfatória, 41% deles retornam ao site para avaliar o produto. Portanto, além de consultar a classificação feita por antigos clientes, os shoppers usam a ferramenta do site para demonstrar a qualidade da compra de forma pública.

Porém, os produtos expostos no e-commerce ainda são muito pouco avaliados. Segundo o EQI, cerca de 95% dos produtos do e-commerce brasileiro não são avaliados. Porém, dos produtos avaliados no Brasil, mais de 70% deles possuem uma nota entre 4,5 e 5. Portanto, o número de clientes promotores é muito maior do que os detratores.

Analisando o e-commerce no geral, 78% dos consumidores apontaram preço e promoção como os principais itens de decisão de compra. Em seguida, aparecem frete e prazo de entrega com 65,6%. E avaliações e comentários de outros consumidores influenciam as compras de mais de 50% dos consumidores.

Em relação aos principais problemas do e-commerce, 54,2% os consumidores reforçaram que é o frete. As entregas demoradas aparecem logo em seguida com 11,7%, seguidas de baixa segurança de compra (9,4%) e preços altos (8,1%).

Para Davi Song, CEO da Lett e idealizador da pesquisa junto com o Opinion Box, o resultado do estudo mostra que, apesar do crescimento do mercado eletrônico brasileiro de dois dígitos ao ano, ainda há muito o que melhorar para garantir a satisfação dos consumidores.

Fonte e-commerce News
Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.