Varejista confunde Bitcoin e Bitcoin Cash e dá 80% de desconto em seus produtos

0 404

 

Apesar de um movimento ainda tímido, tem aumentado a quantidade de estabelecimentos comerciais que aceitam criptomoedas como forma de pagamento, em especial o Bitcoin. Mas é preciso tomar muito cuidado para quem quiser aderir a este movimento e a varejista Overstock é um bom exemplo do preparo necessário para se aceitar o Bitcoin.

Isso porque, a empresa confundiu o Bitcoin com o Bitcoin Cash (que surgiu da divisão da rede original do Bitcoin) e isso levou a um cenário em que os clientes conseguiam comprar produtos com grande desconto. Atualmente, um Bitcoin Cash vale cerca de US$ 2.900, enquanto o Bitcoin original está na casa de US$ 14.500. Ou seja, um vale cerca de 20% do outro e com esta confusão, o desconto poderia chegar a 80%.

O problema foi descoberto pelo jornalista Brian Krebs, um dos maiores especialistas em segurança digital. Ele explicou que encontrou uma luminária custando US$ 78,27 no site, que poderia ser pago com bitcoins. A questão é que ele enviou o valor necessário em Bitcoin Cash e o pagamento foi aceito, o que o levou a pagar apenas US$ 12,02 pelo produto.

Para piorar, na hora de corrigir o problema, a Overstock conseguiu errar novamente. O jornalista solicitou o reembolso e em vez de receber seus bitcoins cash de volta, ele recebeu a mesma quantidade que pagou só que em bitcoin, levando a um bom lucro na operação. Com isso, era possível “transformar” Bitcoin em Bitcoin Cash, sendo que as duas moedas não valem a mesma coisa.

A loja disse ter identificado e corrigido o problema. A Coinbase, empresa responsável pelo serviço de pagamento em criptomoedas, explicou que o problema foi isolado da Overstock e que nenhum outro parceiro enfrentou situação parecida. A causa teria sido uma falha da própria varejista, que usou o sistema da Coinbase de forma errada.

Fonte InfoMoney
Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.