Totvs – 728 x 90

74,68% das empresas ainda estão em estágio inicial em transformação digital

0 343

Um levantamento inédito da Cedro Technologies, provedora de soluções em consultoria, serviços de tecnologia e software, com 100 empresas de grande porte, constatou que 65,31% dos executivos entrevistados mencionaram que seu orçamento para investimentos em tecnologia está maior do que a do ano anterior, enquanto 26,53% mantiveram o mesmo orçamento de 2017 e apenas 8,16% diminuíram os recursos para a área em 2018.

Segundo Leonardo dos Reis Vilela, CEO e um dos fundadores da empresa responsável pelo estudo, é fato que o mundo financeiro vive um momento de disrupção, com grandes inovações e perspectivas de fortes mudanças. “Prova disso é, sem dúvida, a forte ascensão das Fintechs (startups que entregam serviços financeiros aos seus clientes provendo uma experiência prioritariamente digital), que estão surgindo aos montes, provocando grandes transformações no mercado e, principalmente, no mindset dos executivos dos grandes bancos, corretoras e seguradoras. Até mesmo modelos de negócio, consolidados por décadas de sucesso, estão hoje sendo colocados à prova”, enfatizou.

As organizações estão em diferentes graus de maturidade quanto à transformação digital. Essas diferenças se acentuam pelas distintas demandas sobre setores diversos e também pela cultura predominante em cada uma delas. Dado o cenário que se desenhou atualmente, as empresas perceberam que não podem deixar de lado a implementação da transformação digital em seus negócios e a maioria, 75,76% já estão com projetos em execução, sendo que destes 25,32% declaram se encontram em estágio avançado de implementação. Porém, 74,68% ainda estão em estágio inicial de maturidade em transformação digital.

Quando questionados sobre os desafios enfrentados quanto à transformação digital, o levantamento apontou que a maioria dos executivos, 36,72%, responderam que a cultura organizacional ainda é a principal dificuldade para a implementação da transformação digital em suas empresas. Além dos desafios internos de cultura organizacional, 21,43%, percebem muitas dificuldades também nos fornecedores que ainda não estão preparados para o novo contexto de transformação digital dos negócios.

Dentro do grande conceito de transformação digital, o uso de tecnologias cognitivas (tecnologia capaz de processar informações e de aprender com elas) já são realidade em diversos negócios. Inteligência artificial, machine learning e computação cognitiva são exemplos de termos que estão sendo muito disseminados atualmente. 50,56% dos entrevistados afirmam que já fazem o uso de alguma tecnologia cognitiva. Dos que já fazem uso, 28,88% destes apontaram a Microsoft como principal parceira de serviços cognitivos e o mesmo número utiliza soluções proprietárias.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.