Peugeot perde controle de montadora

0 100

A Peugeot Citroën planeja fabricar novos carros e se expandir na Ásia sob um acordo de resgate francês fechado com a chinesa Dongfeng, disse a montadora nesta quarta-feira (19), após divulgar um prejuízo de 3,2 bilhões de dólares que reforça o tamanho da tarefa que tem à sua frente.

O grupo com sede em Paris anunciou a tão esperada injeção de recursos de 3 bilhões de euros que irá resultar numa nova liderança, mais tempo para sua reestruturação e um fim para dois séculos de controle familiar pela família Peugeot. A Dongfeng Motor Group e o Estado francês vão pagar, cada um, 800 milhões de euros por uma fatia de 14 por cento na montadora, equivalente à participação reduzida da família fundadora no negócio, disse a Peugeot, confirmando informações noticiadas pela Reuters.

As ações da Peugeot chegaram a saltar 9 por cento depois da empresa ter revelado seus novos objetivos com a parceria com a Dongfeng e ter divulgado o corte na queima de caixa no ano passado, batendo uma meta de recuperação interina.

Notícias Relacionadas
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.