Dólar cai ante real

0 28

Novos sinais de que os estímulos monetários norte-americanos poderão ser mantidos por mais tempo e os leilões de swap cambial tradicional para rolar os contratos com vencimento em dezembro pelo Banco Central brasileiro faziam o dólar perder força ante o real nesta quinta-feira.

Às 10h56, o dólar recuava 0,45 por cento, a 2,3236 reais na venda. Segundo dados da BM&F, o volume de negociação estava em cerca de 37 milhões de dólares.

“Temos o discurso da Yellen mostrando que os estímulos deverão ser mantidos. Então, o cenário que vinha sendo construindo, de redução dos estímulos em dezembro, modificou, favorecendo a queda do dólar aqui”, afirmou o gerente de análise da XP Investimentos, Caio Sasaki.

A futura chair do Federal Reserve, Janet Yellen, afirmou que o banco central norte-americano tem “mais trabalho a fazer” para ajudar a economia, em declarações preparadas para discurso ao Comitê Bancário do Senado dos EUA nesta quinta-feira, cuja cópia foi disponibilizada antes. Com isso, os investidores voltaram a alimentar expectativas de que o programa de compras de ativos será mantido pelo menos até o próximo ano, reforçando a liquidez nos mercados internacionais.

A queda do dólar também era influenciada pela terceira etapa de rolagem de swaps que vencem em 2 dezembro, com oferta de 20 mil contratos com vencimento em 1º de agosto de 2014. Ainda nesta manhã, no leilão previsto no cronograma de atuações diárias do BC, foram vendidos 5.600 contratos com vencimento em 5 de março e 4.400 contratos com vencimento em 2 de junho de 2014. O volume financeiro foi de 497,3 milhões de dólares.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.