Cesta Covid-19 impulsiona o mercado de higiene e beleza

0 127

O mercado de produtos de higiene pessoal e beleza registrou crescimento de 2,8% nas vendas em volume e de 0,6% no faturamento nos primeiros cinco meses deste ano. O crescimento foi puxado principalmente pelo que o setor está chamando de “cesta covid-19”, um conjunto de itens que inclui álcool em gel, sabonetes e lenços de papel. Os dados são da Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec).

Só as vendas de álcool em gel saltaram de 200 toneladas de janeiro a maio de 2019 para 6,3 mil toneladas em igual período deste ano.

Mesmo assim, o aumento da procura por esse tipo de produto não foi suficiente para o setor manter o ritmo de crescimento registrado no ano passado. De janeiro a dezembro de 2019, as vendas tiveram alta de 4,2% em valor, movimentando R$ 55,7 bilhões.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.