Brasil tem 3 das melhores escolas de negócios do mundo, segundo FT

0 3.141

O ranking de educação executiva do Financial Times analisa as escolas que oferecem cursos especializados em negócios no mundo inteiro. A lista é dividida em dois quesitos: uma mostra as 90 melhores instituições que oferecem programas customizados (cursos preparados de acordo com a necessidade de empresas) e outra, as 80 melhores em programas abertos (cursos destinados ao desenvolvimento de executivos em geral).

Neste ano, a Fundação Dom Cabral é a escola brasileira que registrou a melhor posição nos dois rankings. Na lista de programas customizados, subiu duas posições e aparece em 14º lugar. Já na lista de programas abertos a escola caiu quatro posições e ficou em 19º lugar.

O Insper também aparece nos dois rankings, ficando em 52º lugar na lista de programas abertos e em 60º no de programas customizados. Já a Fundação Getulio Vargas – EAESP (Escola de Administração de Empresas de São Paulo) aparece em 65° lugar na lista de programas customizados – bem abaixo do 49º lugar conquistado em 2017.

Educação executiva

No ranking de programas customizados, a espanhola IESE Business School obteve o melhor desempenho e manteve-se em 1º lugar. Logo em seguida, aparecem a americana Duke Corporate Education e a suíça IMD.

Considerando o ranking programas abertos, o IMD obteve as melhores pontuações e manteve-se no topo do ranking. A Universidade de Oxford aparece em segundo lugar e a IESE em terceiro.

Para os rankings de 2018, o jornal britânico enviou sua pesquisa a 1,1 mil escolas de negócios do mundo – obtendo retorno de 57%. Este é o 20º ano em que o Financial Times elabora sua lista, que não inclui cursos de MBA tradicionais (o jornal faz um estudo separado), e tem entre seus critérios de avaliação a satisfação de quem estuda, das empresas, custo benefício do curso, diversidade dos alunos (segundo gênero e nacionalidade dos alunos), projeção internacional da instituição e habilidades que são ensinadas nas aulas.

Fonte Época Negócios
Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.