Startup de mercado digital recebe aporte de US$ 170 milhões

0 929

A Daki, startup brasileira de mercado 100% digital, parte do Grupo americano JOKR, que tem o mesmo modelo de negócios em países como Estados Unidos, México e Peru, anuncia aporte Série A de US$ 170 milhões (equivalente a R$ 870 milhões). A rodada, liderada pela Tiger Global, GGV Capital e Balderton Capital, contou também com a participação de Monashees, Kaszek Ventures, HV Capital, Activant Capital, Greycroft e FJ Labs.

O investimento visa impulsionar o crescimento global do grupo JOKR, representado pela Daki no Brasil, um dos maiores mercados do grupo. A previsão de expansão no país é de entregar mais de 100 mini centros de distribuição até o final do ano de 2021, além de viabilizar novas contratações no time, expandir a variedade de produtos de seu portfólio com novas categorias e também investir em tecnologia.

“Em seis meses de existência da Daki, amadurecemos como time e construímos uma empresa forte, mesmo em tempos tão desafiadores. Estamos cumprindo a nossa missão de oferecer uma solução rápida e descomplicada para compras de mercado on-line. A empresa está preparada para um crescimento e, com este investimento, chegaremos em mais lugares para simplificar o dia a dia das pessoas, entregando comodidade e conveniência”, reforça Rafael Vasto, CEO da Daki.

Delivery

A startup foi fundada no Brasil em janeiro de 2021, por Alex Bretzner, Rafael Vasto e Rodrigo Maroja, com o propósito de entregar uma experiência superior de delivery ao comércio brasileiro e oferecer serviço de mercado 100% digital com entregas em domicílio em até 15 minutos. Chamados de dark stores, os mini centros de distribuição com raio de entrega reduzido a poucos quilômetros, possuem estoque e entrega próprios, que viabilizam a agilidade e a eficiência desde a escolha dos produtos até a entrega, fazendo com que a experiência do cliente seja 100% dentro da Daki.

Em junho deste ano, a Daki se fundiu com a JOKR, empresa americana criada por Ralf Wenzel, que fundou e depois vendeu a Foodpanda para o DeliveryHero. “A JOKR é uma startup jovem, que assim como nós, nasceu no início do ano com um modelo de negócio concomitante ao da Daki, totalmente disruptivo. Por isso, nada melhor do que unirmos forças e conhecimentos para alcançarmos também outros mercados e continuarmos revolucionando o varejo, o tornando mais instantâneo, democrático e sustentável”, explica Vasto.

Atualmente, o Grupo está presente em São Paulo (Brasil), Nova York (EUA), Cidade do México (México), Bogotá (Colômbia), Lima (Peru), Varsóvia (Polônia) e Viena (Áustria). No Brasil, a Daki já possui 10 dark stores em São Paulo e com planos de abertura em breve no Rio de Janeiro.

O grupo está direcionado para um mercado global de mais de US$ 8 trilhões no setor de alimentos e bebidas, do qual apenas cerca de 3% está on-line atualmente, apresentando uma enorme oportunidade para as empresas.

Notícias Relacionadas
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.