Pernambucanas lança sua carteira digital

0 81

A varejista Pernambucanas lança neste mês a sua própria carteira digital. Com a novidade, clientes que têm os cartões da marca terão acesso a outros serviços de parceiros. O recurso também está disponível para os clientes da conta digital da empresa e pode ser adquirido via tablet nas lojas e via aplicativo do Cartão Pernambucanas. O serviço da carteira digital Pernambucanas será administrado pelo braço financeiro da Pernambucanas, a fintech Pefisa.

Por meio do aplicativo dos Cartões Pernambucanas, o usuário poderá acessar a carteira digital e usar o limite de crédito disponível em empresas parceiras, como: Vivo, Claro, Tim, Oi (recargas de celular); 99, Uber (transporte); Spotify, Ingresso.com, NetMovies e Deezer (entretenimento); Uber Eats (comida); Level up, Xbox Live, Steam (jogos); e Google Play (aplicativos).

Com a iniciativa, a companhia espera atingir 50% do público que utiliza seus serviços digitais. Hoje, cerca de 3 milhões e 500 mil clientes usam os cartões da varejista. Já a conta digital Pernambucanas, lançada pela empresa em abril, conta com mais de 800 mil adesões. Juntos, representam 50% das vendas nas lojas. Além da conta e da carteira, a empresa oferece serviços de empréstimo pessoal e seguros.

Com a iniciativa, a Pernambucanas busca fortalecer o relacionamento com clientes, além de gerar “maior recorrência de compra e faturamento”. “O grande benefício é a quebra de restrição aos cartões Pernambucanas, que eram de uso exclusivo em nossas lojas”, afirma o CEO Sérgio Borriello. A marca tem 365 lojas, em mais de 260 cidades no Brasil.

Inovação no varejo

A Conta Digital é a continuação de um processo de digitalização da companhia, iniciado em dezembro de 2016, com a concessão de crédito, emissão instantânea de cartões e serviço de Wi-Fi grátis em todas as lojas.

A Conta Digital, lançada em abril deste ano, permite que os clientes façam saques, depósitos, compras em lojas físicas e on-line no Brasil e no exterior, entre outras funções. “Queremos democratizar os serviços financeiros às famílias brasileiras e aprimorar a experiência de compra dos nossos clientes que, em sua maioria, são desbancarizados”, diz o CEO da Pernambucanas.

Fundada há 111 anos, a varejista brasileira hoje conta com Diretoria e Laboratório de Inovação, que atuam com 15 startups. “É uma área multidisciplinar na qual os colaboradores têm mais autonomia para criar projetos inovadores em parceria com startups”, explica Sérgio Borriello. “Eles discutem ideias e podem contratar outras empresas para desenvolvê-las. Isso transforma a nossa empresa em um ambiente onde a inovação nasce e cresce com mais rapidez. Ela não fica restrita aos processos normais da empresa.”

A financeira da companhia, criada na década de 1970, hoje é chamada de fintech. É sinal de que a idade centenária da Pernambucanas não interfere na relação com empresas mais jovens, como as startups, e sim na estratégia, diz o CEO. “Quando uma empresa determina que a inovação fará parte da estratégia de negócios, é preciso criar canais para que ela aconteça.”

“Uma vez as startups precisam de capital financeiro para se desenvolverem, a Pernambucanas dá espaço para que elas cresçam e testem serviços que podem melhorar a experiência dos nossos clientes. É uma relação de troca”, conta Borriello.

Fonte Época Negócios
Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.