GPA põe à venda postos de gasolina e drogarias 

0 243
O Grupo Pão de Açúcar (GPA) colocou à venda sua rede de postos de gasolina numa transação que pode levantar R$ 1 bilhão, fontes com conhecimento do assunto disseram ao Brazil Journal.
A transação é mais um passo da estratégia da companhia de focar exclusivamente no varejo alimentar depois da venda da Via Varejo.
Os 71 postos — 69 dos quais são adjacentes às lojas — faturam juntos R$ 2 bilhões e tem uma margem EBITDA acima de 5%. Os imóveis não estão incluídos no pacote.
O Bradesco BBI está liderando o processo de venda, e há conversas em andamento com operadores regionais. Cerca de três quartos dos postos hoje têm a bandeira Ipiranga, e os outros têm a bandeira Shell. Quase 70% das lojas estão no estado de São Paulo.
“Eles estão dispostos a vender qualquer ativo que seja uma distração do novo foco, que é o alimentar,” diz uma fonte próxima à empresa.
Como parte desta estratégia, o GPA também está disposto a vender sua rede de drogarias, que hoje conta com mais de 50 lojas e fatura cerca de R$ 600 milhões, mas parece não haver bancos mandatados ainda.
Os desinvestimentos acontecem no momento em que o GPA se prepara para entrar no Novo Mercado, convertendo suas ações PN em ON, um processo que deve ser concluído na segunda quinzena de fevereiro.
Fonte Brazil Journal
Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.