Fundo Bozano deverá sair da Rede Amor aos Pedaços

0 75

O fundo Bozano Investimentos está em negociações avançadas para sair do Amor aos Pedaços, uma das maiores redes de doces do País, apurou o jornal O Estado de S. Paulo.

A saída ocorre quase três anos depois de o fundo Mercatto Alimentos, que foi incorporado pela Bozano em 2013, ter entrado no negócio, com 33% de participação.

A relação do fundo e das duas sócias da rede, Silvana Marmonti e Ivani Calarezi, está desgastada, segundo fontes a par do assunto.

Segundo a reportagem apurou, há um descontentamento dos investidores com a performance da rede, com 60 lojas, entre próprias e franquias.

A empresa não teria conseguido cumprir o plano proposto de expansão, que compreendia a inauguração de cem novas unidades franqueadas até o término deste ano.

O planejamento de longo prazo consistia em ampliar de 60 unidades para 240 lojas em cinco anos.

Pesou também na decisão o pouco entrosamento entre os gestores do fundo e as sócias do Amor aos Pedaços, que fundaram a rede em 1982.

As duas são conhecidas por um estilo de gestão centralizador e, segundo fontes, ao longo do tempo ficou evidente que os gestores do Bozano não conseguiram convencer as empresárias a adotarem novas estratégias que não as definidas por elas para a marca.

A expectativa é de que as duas recomprem a fatia da Bozano.

As negociações giram em torno do valor que será pago para a Bozano. “À época, o fundo assumiu as dívidas da rede (de cerca de R$ 20 milhões, ou um terço da receita)”, disse uma fonte a par do assunto.

No momento da compra da participação, o faturamento da rede era de R$ 56 milhões. A empresa não divulgou sua receita total em 2015, mas a estimativa de fontes de mercado é de que tenha sido de R$ 64 milhões.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.