Procter & Gamble se pronuncia sobre fraude na Argentina

0 34

A Procter & Gamble não tem planos de demitir funcionários na Argentina apesar de ter que suspender operações comerciais no país enquanto se vê às voltas com uma investigação sobre fraude fiscal, disse uma fonte familiarizada com o assunto nesta quinta-feira.  Os funcionários da P&G estão chegando ao trabalho e realizando tarefas que não estão relacionadas à venda ou compra de produtos, enquanto a companhia continua a falar com o fisco argentino em uma tentativa de desarmar a situação, disse a fonte à Reuters.  A Argentina acusou a P&G no domingo de ocultar lucros e superfaturar 138 milhões de dólares em importação para remeter recursos para fora do país, que tem fortes controles de capital implementados para proteger suas reservas em moeda estrangeira, que estão diminuindo rapidamente.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.