Levantamento mostra que 87% dos brasileiros preferem receber benefícios de Natal em cartão

0 270

A Ticket realizou neste mês um amplo levantamento sobre as preferências e o comportamento do brasileiro com relação aos benefícios de fim de ano, especificamente à cesta de Natal. A marca recebeu mais de 68,7 mil respostas sobre o tema.

De acordo com a pesquisa, entre os mais de 25 mil trabalhadores que declararam receber benefícios de Natal, apenas 12,7% informaram a preferência pela cesta física, mas essa é a aposta das empresas em que 24% dos respondentes trabalham.

Em contrapartida, mais de 87% consideram ser melhor receber o auxílio em um cartão carregado com o valor definido pela empresa. Entre os que recebem a cesta física, quase 36% disseram que não utilizam todos os produtos que a compõem, e que é necessário complementá-la para a elaboração da ceia. Para quase metade desse público (46%), há algum desconforto no transporte do benefício: 33% levam a cesta para casa em transporte público; 8% pedem carona para levar os produtos para sua residência; e 4% carregam os itens aos poucos, pois não têm como realizar o transporte de uma única vez.

A pesquisa da Ticket também revelou que, em geral, os produtos para a ceia são adquiridos nos dias que antecedem as festas por 66% dos trabalhadores. As compras são realizadas com dois ou três dias de antecedência por 31,5% dos entrevistados; e por 35% uma semana antes das festas.

Os trabalhadores também estão de olho nos preços dos ingredientes. Quase 65% relataram ter percebido um aumento considerável no valor nos ingredientes da ceia em 2018, no comparativo com o ano anterior. Em geral, as compras são feitas em supermercados: apenas 2,3% disseram optar por minimercados; e 2,5% preferem açougues ou hortifrútis.

Com relação ao cardápio, 40% indicam que tentam variar o menu com novas receitas. Mas a grande maioria não abre mão de preparações com algum tipo de carne: 37,2% preferem aves, como peru e chester; 25,4% optam por carne bovina; 11,8% consideram essencial contar com carne suína; e apenas 5,6% relatam preferência por peixes. Somente 2,63% dos entrevistados ressaltaram que ter opções de saladas no cardápio é fundamental. No tocante às bebidas, as alcoólicas (31,5%) e os refrigerantes (40,2%) são considerados indispensáveis na mesa dos brasileiros durante as festas.

Apenas 36,8% dos respondentes afirmaram receber algum benefício de alimentação diferenciado para as festas de fim de ano.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.