As 10 mentiras que os brasileiros contam para faltar ao trabalho

0 148
Este final de ano não vai dar para trabalhar, estou me sentido doente.” Mesmo no meio da pandemia do novo coronavírus, os mentirosos não perdoam: 84% dos trabalhadores brasileiros já alegaram estar doentes para faltar ao trabalho.

Essa é uma das revelações da pesquisa organizada pelo Zety, site de carreira e recrutamento, com 1.034 participantes. E apenas 4% dos profissionais disseram que nunca inventaram uma desculpa para faltar ao serviço.

Um momento de apreço pela sinceridade desses poucos antes de mais uma revelação do levantamento: esse tipo de mentira “inofensiva” parece compensar, pois 91% dos mentirosos contaram que nunca foram pegos.

Embora a mentira mais comum seja uma doença, a pesquisa também mostrou que, quando o problema de saúde é para valer, 91% dos respondentes compareceram ao escritório.

E qual o motivo para tantas mentiras? O Zety deixou um espaço na pesquisa para que os profissionais oferecessem justificativas para faltar e as respostas mostram o outro lado da mentira.

Uma razão comum para arranjar um dia de folga foi para encontrar tempo livre para realizar uma entrevista de emprego em outra empresa. Dá para entender por que as pessoas não se sentiram confortáveis em contar ao chefe a verdade.

Fora essa motivação, a maioria das respostas mostrava a necessidade de tirar um dia para se recuperar do estresse, compensar as horas extras em excesso ou para cuidar da saúde mental. Uma pessoa escreveu que sofria pressão demais no escritório e outra confessou: “Eu não estava tendo um dia bom e só queria ficar em casa e chorar com uma garrafa de vinho”.

Claro, também não faltam motivos menos nobres, como “estava de ressaca” ou “não estava com vontade de ir”.

Confira as 10 mentiras mais contadas para faltar ao trabalho:

 

Infográfico Zety

 (Zety/Divulgação)

É verdade, mas parece mentira

A vida também é cheia de absurdos e situações inusitadas. Entre as mentiras mais contadas, todas as situações são corriqueiras e plausíveis. Afinal, é bem possível que você já tenha faltado para ir ao dentista ou tenha precisado ajudar com alguma emergência na família.

 

Confira as cincos histórias selecionadas pelo Zety:
  • Meu coelho tinha de ser castrado.
  • Meu cavalo morreu.
  • Eu tive de faltar ao trabalho um dia (anos atrás) porque meu vizinho foi atacado pela namorada e quase morreu e a polícia interditou todo o condomínio (eles estavam tratando como uma investigação de assassinato). Ele sobreviveu, mas passou dias no hospital. Duvido que meu chefe tenha acreditado naquela história, mas era verdade.
  • Meu cachorro comeu meu aparelho auditivo.
  • Eu tive cinco mortes consecutivas na família em apenas dois anos e eu acho que as pessoas não estavam mais acreditando. Bem que eu queria que fosse mentira.

 

Fonte Exame.com
Notícias Relacionadas
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.