Shopper recebe aporte de R$ 120 milhões e quer chegar a 60 cidades até o fim de 2021

0 1.065

A startup Shopper, supermercado on-line de itens de consumo doméstico, recebeu um aporte de R$ 120 milhões em uma rodada de investimentos de Série B liderada pela empresa de alimentos Minerva Foods e pelo fundo de investimentos Quartz, de José Galló, presidente do conselho da varejista Lojas Renner.

A rodada conta com a participação dos fundos de investimentos americanos FJ Labs e Floating Point VC e de outros fundos internacionais que não foram revelados pela empresa.

Também participaram investidores que já possuem participações minoritárias na Shopper como o fundo Fegik, a gestora de investimentos familiares Oikos, Ariel Lambrecht, cofundador da 99, e Márcio Schettini, ex-vice-presidente do Itaú.

A empresa tem crescido de forma acelerada e, desde o início da pandemia, esse cenário se intensificou ainda mais, sendo que startup tem mais de 250 mil pessoas cadastradas na plataforma. Além disso, a cada quatro meses a Shopper dobra de tamanho (em faturamento), média que tem sido uma constante. O time também cresce rápido: no começo de 2020, a empresa contava com 150 colaboradores; ao final de 2020 tinha quase 400 e hoje conta com mais de 500 pessoas no time, número que deve se elevar ainda mais neste ano.

Para Fábio Rodas, CEO e cofundador da Shopper, a nova rodada de investimento é fruto de um trabalho baseado em inovação, simplicidade e foco na melhor experiência para o cliente. “O nosso modelo de negócio oferece um novo jeito de ‘fazer supermercado’, auxiliando o cliente a planejar e, por consequência, economizar. E tem dado certo! Além de todos os resultados que giram em torno do crescimento, tanto no número de cidades em que atuamos quanto em tamanho, temos entregado eficiência e a melhor experiência de compras para os clientes. Nosso NPS é disparado o maior do setor (87) e ainda queremos melhorar muito. Esse aporte que recebemos corrobora todos esses resultados e o potencial do nosso negócio, e demonstra que estamos no caminho certo”, declarou Fábio.

Com o novo aporte, a startup busca investir em novas aquisições e expandir sua atuação, com a oferta de seus serviços em mais municípios. Atualmente, a Shopper está presente em 22 cidades do estado de São Paulo, incluindo a capital. Até o final de 2021, o número deve quase triplicar, passando a atuar em pelo menos 60 municípios.

O novo investimento também deve acelerar o número de captação de talentos. Até o final do ano, a startup deve abrir mais 500 vagas para diversos cargos. Além disso, a Shopper vai utilizar o novo aporte para acelerar o lançamento de novas tecnologias aplicadas a seus serviços.

De acordo com Bruna Vaz, COO e cofundadora da Shopper, o caminho será trilhado cada vez mais focado no propósito que fez surgir a startup. “Seguiremos trabalhando para promover um consumo com menos desperdício, mais eficiente e prático, que permita que as pessoas não precisem se preocupar com a falta de produtos básicos em casa. Nós gostamos de dizer que fazemos o básico bem feito com uma pitada de encantamento. Com esse aporte vamos poder expandir e encantar ainda mais pessoas”, afirmou.

 

Notícias Relacionadas
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.