Pesquisa aponta tendências nas vendas online de itens de consumo regular

0 87

A Criteo realizou um estudo nos Estados Unidos para entender o comportamento online dos consumidores em relação aos Consumer Packaged Goods (CPG), ou bens de consumo embalados, aqueles comprados diariamente como itens de mercearia, lanches e aperitivos, cuidados com a saúde, produtos para bebês, papelaria e cuidados pessoais.

No relatório “Digital Lists and Infinite Aisles: Putting CPG & Ecommerce on the Same Shelf”, os dados ressaltam a tendência da lista de compras sempre ativa, na qual os consumidores incluem produtos e a partir de onde fazem suas compras, utilizando um mix de aparelhos de celular, tablets e desktops baseados em conveniência. No entanto, apesar da crescente preferência por compras online nesta categoria de produtos, cada subcategoria é definida por padrões variáveis de consumo e considerações de afinidade à marca.

“Como uma vertical que contém um grande número de necessidades modernas do consumidor, os varejistas do segmento têm a oportunidade de criar uma conexão única com os consumidores através de seus hábitos online diários”, explica Alessander Firmino, Diretor Geral da Criteo para o Brasil e América Latina. “O desejo de conveniência impulsionou o crescimento das compras online, já que o consumidor moderno deseja experiências mais fáceis, mais rápidas e mais personalizadas para os produtos que ele usa todos os dias. No Brasil, o comportamento dos consumidores deve seguir esta mesma tendência.”

Veja abaixo as principais descobertas do relatório:

• Festas de fim de ano e fins de semana têm pico de vendas: nos Estados Unidos, a compra de bens de consumo embalados apresenta alta da Cyber Monday (segunda-feira de promoções logo após o Dia de Ação de Graças) até o Ano Novo, o que sugere que os consumidores estocam itens essenciais para começar o ano sem se preocupar. As principais categorias que performaram foram cuidados pessoais (4,7x a média de vendas diárias), cuidados com a beleza (4,6x) e lanches/aperitivos (3,3x). Da mesma forma, os dados da Criteo também demonstram que as vendas de CPG por celulares aumentam aos fins de semana, já que os consumidores navegam em busca de melhores experiências de aplicativos e de pagamentos. No ano passado, o crescimento da categoria no ambiente móvel variou de 5% a 10%.

• Conveniência é a chave para o sucesso: ao analisar as razões mais importantes para fazer uma compra em um site específico, o frete grátis nas devoluções foi classificado como a prioridade em produtos para bebês, itens de mercearia, saúde e beleza. Isto é especialmente prevalecente com mercearia, já que muitos clientes não apenas esperam por uma entrega gratuita, mas também que ela seja feita no mesmo dia. Em seguida estão os descontos disponíveis, análises organizadas de produtos, fotos atraentes e uma boa variedade de itens exclusivos. A conveniência também tem o poder de conquistar clientes fiéis. A Criteo descobriu que 36% das pessoas que compram na Big Box (varejista americana) voltam a fazer compras, enquanto as mercearias viram até 64% de consumidores repetidos nos primeiros seis meses de 2018.

• Cuidados pessoais atraem novos compradores: a categoria com maior probabilidade de converter novos consumidores nas compras online de produtos embalados é cuidados pessoais, com marcas de beleza muitas vezes estreando novos produtos e atraindo compradores novatos. A Criteo descobriu que 30% das compras desta categoria eram feitas por novos usuários, o que é diretamente oposto à categoria de alimentos, que tem o menor percentual de compras por afinidade de marca.

• Frequência nas compras online por impulso: embora as compras não planejadas na loja física sejam mais ou menos consistentes entre as categorias, há muito mais variedade no comportamento de impulsos no ambiente online. Mais de um terço dos consumidores online de produtos para bebês fazem compras por impulso. Isto é provavelmente devido à personalização, que é possível através da tecnologia online e que pode faltar nas lojas tradicionais. Esses consumidores com alta intenção de compra sabem onde encontrar seus itens de CPG e estão mais focados na execução da transação.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.