medicamentos – Newtrade https://newtrade.com.br Thu, 07 Nov 2019 14:20:18 -0300 pt-BR hourly 1 https://wordpress.org/?v=5.3 https://newtrade.com.br/wp-content/uploads/2017/03/favicon-newtrade.png medicamentos – Newtrade https://newtrade.com.br 32 32 GSK inaugura Centro de Distribuição no Rio de Janeiro https://newtrade.com.br/industria/gsk-inaugura-centro-de-distribuicao-no-rio-de-janeiro/ https://newtrade.com.br/industria/gsk-inaugura-centro-de-distribuicao-no-rio-de-janeiro/#respond Thu, 07 Nov 2019 11:38:02 +0000 https://newtrade.com.br/?p=1021196

A farmacêutica, que está presente no país há mais de 110 anos, tem o mercado brasileiro como um dos prioritários à nível global.

O post GSK inaugura Centro de Distribuição no Rio de Janeiro apareceu primeiro em Newtrade.

]]>

Como um marco de crescimento no Brasil, a GSK inaugurou ontem (06/11) seu novo Centro de Distribuição (CD). A empresa, que já havia estabelecido em seu plano estratégico o objetivo de dobrar o negócio até 2023 (tendo como ano-base 2017), conta agora com uma nova área de armazenamento e distribuição de 17mil m2, que representa um incremento de mais de 70% em área em comparação com o centro anterior. O espaço, que fica localizado no município de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro, tem capacidade para armazenar até 25 mil pallets de produtos, entre medicamentos, vacinas e produtos de saúde do consumidor.

“Somos a empresa farmacêutica que mais cresce no mercado brasileiro e o CD é um importante marco rumo aos nossos objetivos. Atuamos diariamente com parceiros e o governo brasileiro para o progresso da saúde pública no país”, afirmou o presidente da GSK no Brasil, José Carlos Felner, durante o evento de inauguração do espaço. “Esse é um dos centros mais inovadores da GSK no mundo. Estamos muito confiantes no nosso crescimento no país”, completou.

Dentre as inovações que o centro traz, algumas delas são o controle total de temperatura e umidade de todo o depósito, o que garante a qualidade da conservação dos produtos armazenados, sobretudo das vacinas. Para assegurar o funcionamento constante dos equipamentos, o CD conta com duas centrais de monitoramento, sendo uma localizada internamente e outra em São Paulo, que permitem o acionamento de alarmes, caso alguma pane seja identificada.

O post GSK inaugura Centro de Distribuição no Rio de Janeiro apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/industria/gsk-inaugura-centro-de-distribuicao-no-rio-de-janeiro/feed/ 0
Extrafarma inaugura Centro de Distribuição em Guarulhos (SP) https://newtrade.com.br/varejo/extrafarma-inaugura-centro-de-distribuicao-em-guarulhos-sp/ https://newtrade.com.br/varejo/extrafarma-inaugura-centro-de-distribuicao-em-guarulhos-sp/#respond Wed, 16 Oct 2019 11:28:11 +0000 https://newtrade.com.br/?p=1020635 Extrafarma

A nova unidade, localizada em Guarulhos (SP), conta com aproximadamente 8.000 m² de área de armazenagem e novo sistema de gestão WMS.

O post Extrafarma inaugura Centro de Distribuição em Guarulhos (SP) apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
Extrafarma

A Extrafarma inaugura seu terceiro centro de distribuição, que abastecerá suas lojas de São Paulo. A nova unidade, localizada em Guarulhos (SP), conta com aproximadamente 8.000 m² de área de armazenagem e novo sistema de gestão WMS.

A rede de farmácias atua em São Paulo há dois anos, e conta com 50 lojas no estado, sendo 45 na capital e outras 5 no ABC paulista. “O investimento neste centro de distribuição é muito importante para seguirmos atendendo nossos clientes de São Paulo com excelência. Trata-se de um estado importante e competitivo, onde cada vez mais conquistamos um público exigente e fiel, e que valoriza bom atendimento e preço.” diz Renato Stefanoni, diretor comercial e logística da Extrafarma.

Os outros dois centros de distribuição da Extrafarma estão localizados em Benevides (PA) e em Aquiraz (CE).

O post Extrafarma inaugura Centro de Distribuição em Guarulhos (SP) apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/varejo/extrafarma-inaugura-centro-de-distribuicao-em-guarulhos-sp/feed/ 0
Consumidor prioriza preço na hora de comprar medicamentos aponta pesquisa https://newtrade.com.br/economia/consumidor-prioriza-preco-na-hora-de-comprar-medicamentos-aponta-pesquisa/ https://newtrade.com.br/economia/consumidor-prioriza-preco-na-hora-de-comprar-medicamentos-aponta-pesquisa/#respond Mon, 14 Oct 2019 14:38:33 +0000 https://newtrade.com.br/?p=1020585 emprego

Dos entrevistados: 64,95% afirmaram acreditar que as farmácias onde efetuaram suas compras praticam preços mais baixos que os concorrentes e 24,50% apontaram a localização como fator importante para a escolha.

O post Consumidor prioriza preço na hora de comprar medicamentos aponta pesquisa apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
emprego

A importância do preço na hora da aquisição de produtos pelos consumidores foi um dos pontos abordados pela Pesquisa de Comportamento do Cliente na Farmácia 2019 realizada pelo Instituto Febrafar de Pesquisa e Educação Continuada (IFEPEC) em parceria com o NEIT – Núcleo de Economia Industrial e da Tecnologia, do Instituto de Economia da Unicamp, que entrevistou 4 mil clientes em todo país.

Segundo os resultados, ao serem questionados sobre quais os critérios de escolha de uma farmácia, ficou bem claro que os clientes priorizam o bolso e a comodidade. Dos entrevistados: 64,95% afirmaram acreditar que as farmácias onde efetuaram suas compras praticam preços mais baixos que os concorrentes e 24,50% apontaram a localização como fator importante para a escolha.

Além desses fatores, foram considerados também: o estoque (6,25%), a facilidade de estacionar (1,58%), possuir atendimento da Farmácia Popular (1,35%) e o bom atendimento (0,88%).

“Por meio desse questionamento observamos que o brasileiro está muito mais preocupando com o bolso, mesmo em produtos básicos como medicamentos. Contudo, não é o dinheiro que fará com que ele deixe de consumir”, analisa Edison Tamascia, presidente da Febrafar, que solicitou a pesquisa.

Falta de pesquisa

Outro dado importante da pesquisa é o que aponta que a maioria da população não pesquisou preço antes da compra, conforme aponta a pesquisa. 88,43% dos entrevistados afirmaram que não pesquisaram preços antes da compra efetuada, 8,70% afirmaram que não pesquisaram preços naquele dia específico, mas que costumam pesquisar, e 2,88% afirmaram que pesquisaram. “Embora os clientes apontem o preço baixo como principal fator da escolha da farmácia, a pesquisa demonstrou que os mesmos não fazem comparação de preços a cada compra e que comparações realizadas no passado e a percepção é o que o leva o cliente a concluir que uma loja pratica preços competitivos”, aponta Tamascia.

Compra quase certa

A pesquisa também apontou que a maioria das pessoas que entrou nas farmácias, adquiriu aquilo que foi procurar ou pelo menos parcialmente. Apenas 3,13% não comprou o que pretendia, frente a 80,68% que comprou tudo que necessitava e outros 16,20% que fez aquisição parcial. “Fato interessante é que: quando uma pessoa entra em uma farmácia a compra já é praticamente certa. Quando essa compra não ocorre, geralmente, se dá por problema de falta de estoque da loja”, avalia Tamascia.

Em contrapartida, dentro da farmácia se observa que a troca de produtos (por de outras marcas ou por genéricos) é mais intensa. Isso ocorreu para 28,83% dos clientes e, nesses casos, o principal motivo foi o preço (54,38%), seguido pela falta do medicamento que desejavam (41,95%) e os demais (3,68%) apontaram motivos diversos.

Nesta questão se observa a força que o genérico vem obtendo no mercado: 75,45% dos clientes trocaram um produto de marca por esse tipo de medicamento. Apenas 24,55% trocaram o produto genérico por um de marca.
Também é importante ser considerada a baixa influência do atendente nessa troca: em 84,20% das vezes que isso ocorreu a iniciativa foi do cliente e em apenas 15,80% isso ocorreu por direcionamento do atendente.

O post Consumidor prioriza preço na hora de comprar medicamentos aponta pesquisa apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/economia/consumidor-prioriza-preco-na-hora-de-comprar-medicamentos-aponta-pesquisa/feed/ 0
Vidalink, de CVS e Martins, quer ir além dos remédios https://newtrade.com.br/tecnologia/vidalink-de-cvs-e-martins-quer-ir-alem-dos-remedios/ https://newtrade.com.br/tecnologia/vidalink-de-cvs-e-martins-quer-ir-alem-dos-remedios/#respond Mon, 15 Jul 2019 10:17:04 +0000 https://newtrade.com.br/?p=1017807

Com aumento dos custos dos planos, empresa de gestão de medicamentos cria estrutura para atuar na prevenção de doenças

O post Vidalink, de CVS e Martins, quer ir além dos remédios apareceu primeiro em Newtrade.

]]>

A empresa de programas de benefício de medicamentos Vidalink, que tem como sócios o grupo americano CVS Health e o atacadista Martins, tem passado por várias transformações ao longo dos anos.

Até 2017, a empresa conseguia descontos de 20% a 30% com indústrias e varejo farmacêutico e repassava aos funcionários das 200 clientes que atende. Depois, organizou um sistema no qual as empresas passaram a subsidiar os gastos com medicamentos de seus empregados. Agora, quer se transformar também numa welltech, como são chamadas as empresas de forte base tecnológicas voltadas ao bem-estar.

No mês passado, a empresa, que deve faturar este ano R$ 50 milhões, lançou o seu aplicativo. Inicialmente serão oferecidos descontos na compra de alimentos funcionais. “Por que as empresas não podem subsidiar a compra desses alimentos, como acontece com medicamentos?”, diz Luis González, presidente e cofundador da Vidalink.

Nessa nova fase, o objetivo da empresa é atuar na prevenção de doenças. Entre outras ferramentas, o aplicativo terá um assistente virtual voltado ao diabético, com dicas, teste e monitoria, por exemplo. “Teremos um time de profissionais que acompanha a pessoa”, diz González. Até o fim do ano, a intenção é oferecer serviços ligados à saúde mental. A médio prazo, serão acrescentadas ginástica e terapias alternativas no aplicativo. Para Rodrigo Abdo, sócio-diretor da Setrus, consultoria especializada em saúde, as empresas do setor estão passando por profundas transformações por conta do aumento de custos. “Os serviços de saúde sobem muito mais do que a inflação”, afirma. Por isso, a preocupação crescente com prevenção de doenças.

É exatamente nesse cenário que despontaram as welltechs. Para Abdo, o desafio dessas companhias é manter o engajamento do usuário, que pode desistir de ser monitorado. “A cada etapa do processo há perdas”, diz.

Já o consultor da empresa de inovação corporativa Startadora, Vinícius Machado, essa é uma forma inteligente de de ir adiante nessa área. Segundo ele, Facebook e Google lançaram aplicativos para saber quantas horas do dia são gastas no mundo digital e se isso afeta a qualidade de vida, por exemplo.

O post Vidalink, de CVS e Martins, quer ir além dos remédios apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/tecnologia/vidalink-de-cvs-e-martins-quer-ir-alem-dos-remedios/feed/ 0
Rede Drogal inaugura novas unidades n o interior paulista https://newtrade.com.br/varejo/rede-drogal-inaugura-novas-unidades-n-o-interior-paulista/ https://newtrade.com.br/varejo/rede-drogal-inaugura-novas-unidades-n-o-interior-paulista/#respond Tue, 25 Jun 2019 09:46:57 +0000 https://newtrade.com.br/?p=1017216

Cravinhos e Itápolis receberão as lojas ainda nessa semana

O post Rede Drogal inaugura novas unidades n o interior paulista apareceu primeiro em Newtrade.

]]>

Como sequência ao projeto de expansão das unidades por todo o estado de São Paulo, a Rede Drogal irá inaugurar, nesta semana, mais duas filiais, em Cravinhos, no dia 28, e Itápolis, dia 29. Em ambos os municípios, os clientes serão recebidos com café da manhã e muita animação, a partir das 9 horas.

A unidade de Cravinhos, a primeira da cidade, estará localizada na rua XV de Novembro, 311, no Centro. Em Itápolis, que também recebe sua primeira filial da Rede Drogal, a unidade ficará na rua Odilon Negrão, 630, Centro.

Com as duas inaugurações, a Rede Drogal chega a 157 filiais, em 63 cidades do Estado.

SERVIÇO:

Unidade Cravinhos
Data: sexta-feira, dia 28 de junho, às 9h
Horário de funcionamento: todos os dias, das 7 às 22h
Endereço: Rua XV de Novembro, 311 – Centro

Unidade Itápolis
Data: sábado, dia 29 de junho, às 9h
Horário de funcionamento: todos os dias, das 7 às 23h
Endereço: Rua Odilon Negrão, 630 – Centro

O post Rede Drogal inaugura novas unidades n o interior paulista apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/varejo/rede-drogal-inaugura-novas-unidades-n-o-interior-paulista/feed/ 0
Grupo italiano Antares Vision inaugura nova fábrica em São Paulo https://newtrade.com.br/industria/grupo-italiano-antares-vision-inaugura-nova-fabrica-em-sao-paulo/ https://newtrade.com.br/industria/grupo-italiano-antares-vision-inaugura-nova-fabrica-em-sao-paulo/#respond Wed, 19 Jun 2019 15:54:09 +0000 https://newtrade.com.br/?p=1017136

A unidade, com 3000 metros quadrados, é uma réplica da sede italiana, tanto em design como processo operacional.

O post Grupo italiano Antares Vision inaugura nova fábrica em São Paulo apareceu primeiro em Newtrade.

]]>

Líder mundial em soluções de rastreabilidade de medicamentos e sistemas de visão aplicados a indústrias farmacêuticas, a empresa italiana Antares Vision inicia sua produção local em alta capacidade. A ampliação das atividades no Brasil se dá por conta da inauguração de uma nova fábrica em São Paulo, a ser realizada dia 27 de junho, no bairro do Santo Amaro, zona sul da capital paulista.

A unidade, com 3000 metros quadrados, é uma réplica da sede italiana, tanto em design como processo operacional. Por meio de um centro de inovação e competência multidisciplinar de pré-vendas, vendas, gerenciamento de projetos e serviços customizados o atendimento passa a ser 24/7, o que envolve um aumento significativo do corpo de profissionais. Estas mudanças visam inovar, desenvolver e implantar soluções novas, marcando de forma contínua e integrada trazendo a personalização da cultura Brasileira e Latino Americana.

Localizada em Brescia na Itália, com 8 subsidiárias ao redor do mundo que e incorporam todas a tecnologias do grupo, a nova fábrica paulista, foi planejada desde 2016. Com investimento superior a R$ 4 milhões, o espaço marca uma nova realidade para a Antares Vision no Brasil, denominado o HUB para o mercado Latino Americano, em que atua fortemente desde 2013, com a distribuição dos equipamentos das subsidiárias europeias.

Sendo assim, o grupo passa também a fabricar equipamentos em solo nacional, empregando uma grande quantidade de novos funcionários no Brasil e transferindo tecnologia e se consolidando como uma das principais empresas de tecnologia italiana presentes no país.

Para Rafael Latorre, gerente geral da Antares Vision no Brasil, as novas instalações representam um divisor de águas para a história do grupo no Brasil, tendo em consideração esse crescimento é uma resposta apropriada ao mercado Brasileiro. “Desde que chegamos ao Brasil, a empresa cresceu de forma exponencial, porém orgânica, o que se refletiu também em um aumento o número de clientes, funcionários, técnicos, especialistas e gestores altamente capacitados com competência comprovada”, ressalta Rafael.

O post Grupo italiano Antares Vision inaugura nova fábrica em São Paulo apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/industria/grupo-italiano-antares-vision-inaugura-nova-fabrica-em-sao-paulo/feed/ 0
IBM, Walmart e Merck iniciam programa de blockchain com agência de remédios dos EUA https://newtrade.com.br/tecnologia/ibm-walmart-e-merck-iniciam-programa-de-blockchain-com-agencia-de-remedios-dos-eua/ https://newtrade.com.br/tecnologia/ibm-walmart-e-merck-iniciam-programa-de-blockchain-com-agencia-de-remedios-dos-eua/#respond Thu, 13 Jun 2019 15:56:27 +0000 https://newtrade.com.br/?p=1016960

As empresas disseram que trabalharão com a consultoria KPMG para criar uma rede blockchain compartilhada que permitirá o monitoramento em tempo real dos produtos na cadeia de suprimentos farmacêuticos

O post IBM, Walmart e Merck iniciam programa de blockchain com agência de remédios dos EUA apareceu primeiro em Newtrade.

]]>

IBM, Merck e Walmart foram escolhidos para um programa piloto da Food and Drug Administration dos Estados Unidos (FDA) para explorar uso da tecnologia blockchain para melhorar a segurança do fornecimento e distribuição de medicamentos controlados.

As empresas disseram que trabalharão com a consultoria KPMG para criar uma rede blockchain compartilhada que permitirá o monitoramento em tempo real dos produtos na cadeia de suprimentos farmacêuticos.

O projeto foi autorizado pela Lei de Segurança da Cadeia de Suprimentos de Medicamentos dos EUA (DSCSA), criada para aumentar a fiscalização regulatória de medicamentos falsificados, roubados, contaminados ou prejudiciais.

O novo projeto visa reduzir o tempo necessário para monitorar e rastrear medicamentos controlados, melhorando o acesso à informações de distribuição confiáveis e garantindo que os produtos sejam manuseados de forma adequada e armazenados na temperatura certa enquanto são distribuídos, disseram as empresas em um comunicado.

A tecnologia blockchain, originalmente concebida há uma década como base para a moeda digital bitcoin, ajudará as partes interessadas a estabelecer um registro permanente e pode ser integrada aos sistemas existentes usados para rastrear produtos enquanto eles são distribuídos.O projeto está programado para ser concluído no quarto trimestre de 2019 e os resultados serão publicados em um relatório, disseram as empresas.

O post IBM, Walmart e Merck iniciam programa de blockchain com agência de remédios dos EUA apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/tecnologia/ibm-walmart-e-merck-iniciam-programa-de-blockchain-com-agencia-de-remedios-dos-eua/feed/ 0
Roche anuncia fim da produção de medicamentos no Brasil https://newtrade.com.br/industria/roche-anuncia-fim-da-producao-de-medicamentos-no-brasil/ https://newtrade.com.br/industria/roche-anuncia-fim-da-producao-de-medicamentos-no-brasil/#respond Tue, 26 Mar 2019 15:58:55 +0000 https://newtrade.com.br/?p=1014363

A fábrica do Rio de Janeiro teria se tornado "pouco sustentável", segundo a empresa

O post Roche anuncia fim da produção de medicamentos no Brasil apareceu primeiro em Newtrade.

]]>

A farmacêutica suíça Roche anunciou na segunda-feira (25) que irá encerrar a produção de medicamentos no Brasil. O fechamento da fábrica no Rio de Janeiro deve acontecer nos próximos quatro ou cinco anos. Todos os fármacos vendidos no país pela empresa passarão a ser importados. Em comunicado, o grupo diz que essa decisão se alinha com sua estratégia global de inovação e com as transformações em seu portfólio de medicamentos. A Roche pretende concentrar seus esforços em produtos “inovadores de alta complexidade e baixo volume de produção”.

Isto significa que os medicamentos “maduros” produzidos pela companhia – de alto volume e baixa complexidade – estão no fim de seu ciclo de vida. Entre eles, estavam os remédios Bactrim, Bonviva, Cymevene, Dilatrend, Dormonid, Lexotan, Prolopa, Rivotril, Rocaltrol, Rohypnol e Valium.

A produção do Bonviva, Dilatrend e Rohypnol foi desinvestida anteriormente e as do Bactrim, Dormonid e Lexotan acabam de ser desinvestidas. Essas mudanças tornam a operação do Rio de Janeiro pouco sustentável, segundo a empresa.

Patrick Eckert, presidente da Roche Farma Brasil, afirma que “no primeiro ano (2019), não há previsão de redução do quadro de funcionários no Rio de Janeiro em decorrência deste anúncio”.

As unidades administrativas em São Paulo e Goiás continuarão operando. Atualmente, o grupo atua em mais de 100 países e emprega 94.000 pessoas em todo o mundo.

O post Roche anuncia fim da produção de medicamentos no Brasil apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/industria/roche-anuncia-fim-da-producao-de-medicamentos-no-brasil/feed/ 0
Farmarcas projeta 1100 lojas e faturamento de R$3 bilhões em 2019 https://newtrade.com.br/varejo/farmarcas-projeta-1100-lojas-e-faturamento-de-r3-bilhoes-em-2019/ https://newtrade.com.br/varejo/farmarcas-projeta-1100-lojas-e-faturamento-de-r3-bilhoes-em-2019/#respond Wed, 05 Dec 2018 09:44:43 +0000 https://newtrade.com.br/?p=1010366 varejo farmacêutico

Empresa deve fechar 2018 com faturamento de R$2 bilhões.

O post Farmarcas projeta 1100 lojas e faturamento de R$3 bilhões em 2019 apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
varejo farmacêutico

Em contínuo crescimento, a Farmarcas divulgou, durante o Conexão Farmarcas, em 30 de novembro, os resultados obtidos em 2018 e os projetos para 2019.

Segundo Paulo Costa, diretor geral da Farmarcas, a empresa apresentou um grande crescimento no número de lojas. Em 2015, eram 326; número que cresceu rapidamente no decorrer dos anos. Em 2016, eram 489; em 2017, 685; e até o momento, em 2018, 857. Costa acrescentou ainda que o objetivo de chegar a 1.000 lojas está muito próximo, já que são 111 lojas em processo de montagem e outras 70 com contratos já assinados e que iniciarão sua adaptação nas próximas semanas. “Fato que nos deixa muito felizes é que grande parte são lojas novas (80) e apenas 31 em conversão. E, dessas novas, 70 são de pessoas que já são nossos associados, mostrando nossa força”, comemorou Costa.

Ele também afirmou que deve finalizar este ano com o faturamento de R$2 bilhões, acompanhando um contínuo crescimento. Em relação às vendas totais, comparando o MAT de outubro de 2017 a outubro de 2018, o número passou de R$ 1.304.595.622,78 para R$ 1.900.971.149,20, um crescimento de 45,71%. Considerando apenas as lojas com mais de dois anos, o crescimento é de 15,61%. Para 2019, a previsão de faturamento é de R$3 bilhões, fechando o ano com 1100 lojas.

O post Farmarcas projeta 1100 lojas e faturamento de R$3 bilhões em 2019 apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/varejo/farmarcas-projeta-1100-lojas-e-faturamento-de-r3-bilhoes-em-2019/feed/ 0
Farmácias e supermercados ganham aliados em disputa por medicamentos https://newtrade.com.br/varejo/farmacias-e-supermercados-ganham-aliados-em-disputa-por-medicamentos/ https://newtrade.com.br/varejo/farmacias-e-supermercados-ganham-aliados-em-disputa-por-medicamentos/#respond Thu, 29 Nov 2018 10:01:06 +0000 https://newtrade.com.br/?p=1010126

Conselhos federais de Medicina e Farmácia não querem produtos isentos de prescrição (ou MIPs) nas gôndolas supermercadistas; laboratórios apoiam flexibilização das regras de comercialização

O post Farmácias e supermercados ganham aliados em disputa por medicamentos apareceu primeiro em Newtrade.

]]>

A queda de braço em torno do projeto de lei que permite a venda de medicamentos isentos de prescrição (ou MIPs) em supermercados e similares ganhou novos contornos nesta semana, com farmácias e supermercadistas recebendo apoio de diferentes entidades profissionais e da indústria.

Durante audiência pública realizada terça-feira (27) na Câmara dos Deputados, o Conselho Federal de Farmácia (CFF) e o Conselho Federal de Medicina (CFM) se colocaram ao lado do varejo farmacêutico e desaconselharam a flexibilização da lista de estabelecimentos que podem comercializar MIPs.

Por outro lado, fabricantes reunidos na Associação Brasileira da Indústria de Medicamentos Isentos de Prescrição (Abimip) manifestaram apoio ao pleito do segmento supermercadista. Presidente do conselho consultivo da Abimip, Jorge Raimundo afirmou que 60% dos países permitem tal prática. “Na Inglaterra [supermercados] podem vender analgésicos, a maior parte dos antiácidos, antissépticos, pastilhas para a garganta e medicamentos para gripe. Já nos EUA, o MIP está em todo lugar”, argumentou o representante da Abmip. “O mundo tem praticado a comercialização dos MIPs em outros pontos de venda que não farmácias e drogarias, mas no Brasil ainda existe um monopólio”, prosseguiu o advogado e consultor jurídico da Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores (Abad), Alessandro Dessimoni.

Segundo ele, o aumento da capilaridade na distribuição beneficiaria a população de cidades menores.Caso aprovadas no Brasil através do PL 9482/18 (a proposta precisa passar por duas comissões antes de ir ao plenário), as novas regras poderiam gerar um milhão de pontos de venda novos atuando com os MIPs (segundo contas da Abad), uma vez que “similares” como minimercados e lojas de conveniência também poderiam se beneficiar. “Não é a primeira vez que se tenta [a flexibilização]. É a segunda ou talvez até a terceira. Todos elas foram sepultadas”, lembrou o presidente do CFF, Walter Jorge João. Uma das ocasiões ocorreu nos anos 1990, quando os supermercados chegaram a incluir os MIPs nas prateleiras por um período de tempo. Segundo dados citados pelos supermercadistas, o preço de alguns produtos chegou a cair 35% na ocasião.

A proposta, contudo, gera preocupação entre conselhos profissionais de saúde, que temem uma “banalização” dos MIPs e uma consequente alta na incidência da automedicação pelo brasileiro – que, ironicamente, seria mais comum entre classes sociais mais altas ou entre indivíduos com formação superior. “O uso indevido de medicação já causa 20 mil mortes por ano no Brasil”, afirmou a representante do CFM, Rosylaine Nascimento Rocha. “Está claro que se quer aumentar os pontos de venda em razão de interesses meramente econômicos”, adicionou Walter João, do CFF.

Mesmo afirmando que o assunto está em análise técnica e que um posicionamento oficial deve ser emitido nos próximos dias, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) também fez uma série de ressalvas frente o tema. Assessora do gabinete da presidência da agência, Andrea Rezende Takara observou que o projeto de lei em discussão “não menciona requisitos de qualidade e sanitários” para novos estabelecimentos que atuassem com MIPs, incluindo aspectos como guarda, manuseio, conservação e rastreabilidade dos produtos. “A facilidade no acesso tem um lado bom, mas também gera um incentivo ao consumo que leva à automedicação e uso abusivo”, analisou Andrea – que também questionou como os supermercados se prepariam para atender a “obrigatoriedade de assistência do farmacêutico ou técnico durante o horário de funcionamento” de estabelecimentos que comercializam MIPs.

Tal argumento foi rebatido posteriormente pelo consultor jurídico da Abad. “Hoje, com as vendas pela internet, qual a orientação dada pelo farmacêutico?”, questionou Alessandro Dessimoni. “Se há tanta preocupação com intoxicação, que as farmácias passem o MIP para trás do balcão”, provocou o advogado.

O post Farmácias e supermercados ganham aliados em disputa por medicamentos apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/varejo/farmacias-e-supermercados-ganham-aliados-em-disputa-por-medicamentos/feed/ 0