fabricantes – Newtrade https://newtrade.com.br Mon, 17 Jun 2019 16:11:54 -0300 pt-BR hourly 1 https://wordpress.org/?v=5.3 https://newtrade.com.br/wp-content/uploads/2017/03/favicon-newtrade.png fabricantes – Newtrade https://newtrade.com.br 32 32 Consumidores preferem comprar com fabricantes https://newtrade.com.br/nao-categorizado/consumidores-preferem-comprar-com-fabricantes/ https://newtrade.com.br/nao-categorizado/consumidores-preferem-comprar-com-fabricantes/#respond Mon, 17 Jun 2019 16:11:54 +0000 https://newtrade.com.br/?p=1017058

Os fabricantes que vendem online (D2C) também foram analisados e somam R$ 2,5 bilhões em vendas, ou 4,8% do total faturado.

O post Consumidores preferem comprar com fabricantes apareceu primeiro em Newtrade.

]]>

As vendas realizadas pelas empresas que nasceram no universo físico e entraram no online superam as realizadas por aquelas companhias “pure players”, que nasceram online. Os dados são de uma pesquisa Ebit/Nielsen. O faturamento em 2018 das empresas que nasceram no mundo físico somam R$ 27 bilhões, enquanto as companhias online venderam R$ 23,6 bilhões no mesmo período.

Os fabricantes que vendem online (D2C) também foram analisados e somam R$ 2,5 bilhões em vendas, ou 4,8% do total faturado.

“A participação dos fabricantes ainda é pequena, na comparação com o todo, mas tal número já traz um fato interessante. Quem entrou no ponto.com e soube usá-lo obteve resultado”, afirmou Ana Szasz, head da Ebit/Nielsen.

De acordo com a executiva, essas empresas que fabricam e vendem no online estão traçando o mesmo caminho do varejo online. Para ela, os produtos de consumo imediato e novos fabricantes vem chegando cada vez mais ao e-commerce.

Os produtos mais comprados diretamente dos fabricantes são eletrônicos e eletrodomésticos, com 45% das vendas, Perfumaria e Cosméticos. com 16%, Moda e Acessórios tem 14% e Alimentos e Bebidas, com 10%.

De acordo com o estudo, mais da metade dos consumidores tem o hábito de pesquisar se o fabricante tem e-commerce. Preço, confiança e ofertas são os principais motivos para escolher comprar diretamente com o fabricante.

“Para os fabricantes que estão ou desejam entrar neste universo, vale refletir sobre a alta exigência de experiência e serviços por parte dos consumidores, a satisfação instantânea quanto ao custo e prazo de frete, bem como a customização de pagamentos”, disse Szasz.

O post Consumidores preferem comprar com fabricantes apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/nao-categorizado/consumidores-preferem-comprar-com-fabricantes/feed/ 0
Fabricantes que vendem online faturam R$ 2,5 bilhões em 2018 https://newtrade.com.br/economia/fabricantes-que-vendem-online-faturam-r-25-bilhoes-em-2018/ https://newtrade.com.br/economia/fabricantes-que-vendem-online-faturam-r-25-bilhoes-em-2018/#respond Tue, 04 Jun 2019 16:12:55 +0000 https://newtrade.com.br/?p=1016631 e-commerce

Apesar de ainda representar 4,8% das vendas do setor, categoria puxou discretamente as vendas do e-commerce no período, de acordo com a Ebit|Nielsen

O post Fabricantes que vendem online faturam R$ 2,5 bilhões em 2018 apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
e-commerce

As vendas diretas ao consumidor efetuadas online por sites de fabricantes de bens de consumo (D2C – direct to consumer, na sigla em inglês) atingiram R$ 2,5 bilhões em 2018, alta de 20% em relação a 2017, de acordo com a Ebit|Nielsen, referência em informações sobre o comércio eletrônico brasileiro.

Na comparação entre os períodos, o número de pedidos cresceu de 5,2 milhões para 7,5 milhões, resultando em uma alta de 43% – quase quatro vezes mais do que a média do mercado, que foi de 11%.

Já o tíquete médio retraiu 16,1% na comparação entre os períodos, de R$ 403 para R$ 338, o que mostra a entrada de novos fabricantes no e-commerce, principalmente de produtos de consumo imediato. Os dados são do estudo “Como a indústria tem reduzido o caminho de vendas até o consumidor?”, que traz números inéditos sobre o e-commerce brasileiro e foi apresentado em primeira mão no VTEX Day, realizado na última semana, em São Paulo.

A pesquisa também mapeia, de forma exclusiva, a atual divisão do e-commerce por operação. Os varejos tradicionalmente físicos que entraram no e-commerce, os chamados “bricks and clicks” (tijolos e cliques, na tradução livre), respondem por mais da metade (51%) das vendas realizadas pela internet no Brasil. Esses players faturaram R$ 27 bilhões em 2018, alta de 12% em relação ao mesmo período do ano passado.

Já as empresas que nasceram online, os “pure players”, representam 44,3% das vendas (R$ 23,6 bilhões; alta de 11%), enquanto os “Fabricantes.com” (D2C) já respondem por 4,8% do total faturado (R$ 2,5 bilhões, crescimento de 20%). “A participação dos fabricantes ainda é pequena, na comparação com o todo, mas tal número já traz um fato interessante. Quem entrou no ponto.com e soube usá-lo obteve resultado”, explica Ana Szasz, diretora da Ebit|Nielsen.

Os números mostram ainda que os Fabricantes.com puxaram discretamente o crescimento do e-commerce em 2018. Este tipo de operação ganhou 0,4 ponto percentual de participação, na comparação com 2017, passando de 4,4% para 4,8%.

“É interessante notar que a rota do Fabricante.com também segue a rota do e-commerce, quando notamos o aumento de pedidos e queda do tíquete médio. Ou seja, novos fabricantes, e principalmente os de produtos de consumo mais imediato, chegaram ao e-commerce”, explica.

Eletrônicos e eletrodomésticos são os itens mais comprados por consumidores nos portais dos Fabricantes.com. As duas categorias somam 45% das vendas realizadas por meio deste tipo de operação. Perfumaria & cosméticos (16%), moda & acessórios (14%) e alimentos & bebidas (10%) completam o ranking das mais importantes em faturamento.

De acordo com pesquisa realizada pela Ebit|Nielsen com 1.707 consumidores, entre 9 e 12 de maio de 2019, mais de 50% pesquisam se o fabricante do produto desejado dispõe de um e-commerce. Consumidores que buscam por smartphones (71%), eletrônicos (65%), eletrodomésticos (65%), moda/acessórios (63%), cosméticos/perfumaria (58%), automotivos (36%) e alimentos (28%) são os que apontam o Fabricante.com como opção de compra. Melhor preço (65%), promoções (59%) e confiança na origem fazem parte dos principais atributos destacados para a escolha de comprar direto do fabricante.

“Entrar no e-commerce não é apenas vender produtos, é uma demanda mista entre a soma de produto,serviço e conteúdo”, diz Ana Szasz. “Para os fabricantes que estão ou desejam entrar neste universo, vale refletir sobre a alta exigência de experiência e serviços por parte dos consumidores, e a satisfação instantânea quanto ao custo e prazo de frete, bem como a customização de pagamentos”, finaliza.

 

 

 

 

 

 

O post Fabricantes que vendem online faturam R$ 2,5 bilhões em 2018 apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/economia/fabricantes-que-vendem-online-faturam-r-25-bilhoes-em-2018/feed/ 0
Rótulos de alimentos já terão que sair da fábrica com informações sobre alergênicos https://newtrade.com.br/nao-categorizado/rotulos-de-alimentos-ja-terao-que-sair-da-fabrica-com-informacoes-sobre-alergenicos/ https://newtrade.com.br/nao-categorizado/rotulos-de-alimentos-ja-terao-que-sair-da-fabrica-com-informacoes-sobre-alergenicos/#respond Mon, 04 Jul 2016 19:51:27 +0000 http://newtrade.com.br/?p=30059

Fabricantes tiveram um ano para adequar as embalagens às novas regras

O post Rótulos de alimentos já terão que sair da fábrica com informações sobre alergênicos apareceu primeiro em Newtrade.

]]>

Os rótulos dos alimentos passam a ter de sair da fábrica com informação sobre ingredientes alergênicos  desde domingo (3). São 17 os itens a serem listados, como trigo, crustáceos, leite e nozes. A decisão partiu da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ainda em 2015 e foi reforçada no início de junho.

Aprovada em junho do ano passado, a resolução obriga a indústria alimentícia a informar nas embalagens dos produtos se há presença dos principais alimentos que causam alergias alimentares. O regulamento abrange tanto alimentos e quanto bebidas, ingredientes e aditivos.

Os rótulos dos produtos fabricados a partir de agora deverão informar se os alimentos possuem alguns dos seguintes alimentos: trigo (centeio, cevada, aveia e suas estirpes hibridizadas); crustáceos; ovos; peixes; amendoim; soja; leite de todos os mamíferos; amêndoa; avelã; castanha de caju; castanha do Pará; macadâmia; nozes; pecã; pistaches; pinoli; castanhas, além de látex natural.

Os derivados desses produtos deverão trazer na embalagem as seguintes informações:- Alérgicos: Contém (nomes comuns dos alimentos que causam alergias alimentares);

– Alérgicos: Contém derivados de (nomes comuns dos alimentos que causam alergias);

– Alérgicos: Contém (nomes comuns dos alimentos que causam alergias alimentares) e derivados.

A Anvisa determinou também a forma de dispor esses dados. Os detalhes sobre alergênicos deverão ser exibidos logo abaixo da lista de ingredientes. Além disso, as palavras têm de estar em caixa alta, em negrito e com cor diferente do rótulo. A letra não pode ser menor do que a da lista de ingredientes.

Os fabricantes tiveram um ano para adequar as embalagens às novas regras. Os produtos fabricados até o fim do prazo de adequação, este sábado (2), poderão ser comercializados até o fim do prazo de validade.

Segundo o diretor-relator da matéria, Renato Porto, a demanda nasceu “fortemente da sociedade”, o que fez com que toda a diretoria votasse unilateralmente pela regulamentação.

“A sociedade pode agora ter certeza que terá rótulos de produtos muito mais adequados, que vão dar a possibilidade do consumidor de escolher adequadamente seus produtos, dado que a melhor maneira de se prevenir [de uma crise alérgica] é evitando o consumo”, explicou.

Segundo a Anvisa, no Brasil, de 6% a 8% das crianças de 6 a 8 anos sofrem de algum tipo de alergia.

O post Rótulos de alimentos já terão que sair da fábrica com informações sobre alergênicos apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/nao-categorizado/rotulos-de-alimentos-ja-terao-que-sair-da-fabrica-com-informacoes-sobre-alergenicos/feed/ 0
Lançamento de carros não perdeu ritmo neste ano https://newtrade.com.br/industria/mercado-de-novos-lancamentos-de-carros-nao-frearam-ritmo-neste-ano/ https://newtrade.com.br/industria/mercado-de-novos-lancamentos-de-carros-nao-frearam-ritmo-neste-ano/#respond Mon, 26 Oct 2015 13:13:50 +0000 http://newtrade.com.br/?p=23914

11 novidades ainda chegarão até dezembro, mas o total chegará a 42

O post Lançamento de carros não perdeu ritmo neste ano apareceu primeiro em Newtrade.

]]>

Apesar de caminharem para o pior resultado em vendas desde 2007, fabricantes e importadores não frearam o ritmo de lançamentos neste ano.

Com as 11 novidades que ainda chegarão até dezembro, o total de estreias inéditas ou com significativas mudanças chegará a 42, número muito próximo ao de 2014.

Segundo analistas, novos projetos são definidos de dois a três anos antes da chegada ao mercado, e desistir deles na reta final não é vantajoso, ainda que o lançamento ocorra em meio a um furacão.

“Normalmente o efeito da crise não é imediato, mas pode ocorrer daqui para frente”, diz Martin Bodewig, da consultoria Roland Berger.

Neste ano, fabricantes e importadores deixaram de lado as inovações no segmento dos populares, ou carros de entrada, os mais afetados pela crise, e concentraram investimentos em modelos mais caros.

O post Lançamento de carros não perdeu ritmo neste ano apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/industria/mercado-de-novos-lancamentos-de-carros-nao-frearam-ritmo-neste-ano/feed/ 0
Parmalat, Stevia e Ford levam multa por violar direitos https://newtrade.com.br/industria/parmalat-stevia-e-ford-levam-multa-por-violar-direitos/ https://newtrade.com.br/industria/parmalat-stevia-e-ford-levam-multa-por-violar-direitos/#respond Mon, 02 Feb 2015 11:42:57 +0000 http://newtrade.com.br/?p=18332

Ford terá de recolher ao governo uma multa de R$ 165 mil por informação imprecisa na oferta do veículo

O post Parmalat, Stevia e Ford levam multa por violar direitos apareceu primeiro em Newtrade.

]]>

O Ministério da Justiça, por meio da Secretaria Nacional do Consumidor, negou recursos apresentados pelas empresas Padma Indústria de Alimentos (Parmalat Brasil), Stevia Brasil Indústria Alimentícia e Ford Motor Company Brasil e decidiu manter multas aplicadas às companhias por infrações ligadas ao direito à informação, previsto no Código de Defesa do Consumidor.

Segundo despachos publicados no Diário Oficial da União (DOU), as três empresas foram punidas por “violação aos princípios da boa-fé e da transparência”.

De acordo com os documentos, Padma foi multada em R$ 308 mil. Entre as violações, a empresa infringiu normas estabelecidas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A Stevia Brasil foi punida em R$ 125 mil por publicidade enganosa omissiva relacionada à oferta do produto Stevip.

A Ford terá de recolher ao governo uma multa de R$ 165 mil por informação imprecisa na oferta do veículo F-250 Super Duty.

As empresas deverão pagar os valores no prazo de 30 dias, em favor do Fundo de Direitos Difusos, sob pena de inscrição do débito em dívida ativa da União. As informações são do Estadão Conteúdo

O post Parmalat, Stevia e Ford levam multa por violar direitos apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/industria/parmalat-stevia-e-ford-levam-multa-por-violar-direitos/feed/ 0
Exclusivo: As novidades das principais fabricantes para esta Páscoa https://newtrade.com.br/industria/exclusivo-novidades-das-principais-fabricantes-para-esta-pascoa/ https://newtrade.com.br/industria/exclusivo-novidades-das-principais-fabricantes-para-esta-pascoa/#respond Tue, 20 Jan 2015 17:55:06 +0000 http://newtrade.com.br/?p=18035

Newtrade.Tv está preparando matérias, galeria de imagem e vídeos

O post Exclusivo: As novidades das principais fabricantes para esta Páscoa apareceu primeiro em Newtrade.

]]>

A Páscoa já começou!

Comemorada no dia 5 de abril, a data cristã é o principal momento de vendas para o mercado de chocolates. Nesta terça-feira (20), foram apresentadas mais de 150 novidades de oito fabricantes durante o 26º Salão de Páscoa promovido pela Abicab – Associação Brasileira da Indústria de Chocolates, Cacau, Amendoim, Balas e Derivados.

Durante a abertura do evento, o vice-presidente de Chocolate da associação, Ubiracy Fonseca, apresentou os números de 2014. “Foram produzidas 20,2 mil toneladas de chocolate, o que corresponde a cerca de 100,2 milhões de ovos de Páscoa. O total de deste ano não foi auditado ainda, mas sabemos que as indústrias geraram aproximadamente 26 mil empregos temporários”, disse ele.

De acordo com a associação, 79% dos brasileiros têm o habito de presentear os parentes e amigos com chocolate na época. Esse dado contribui para o Brasil se posicionar como terceiro maior mercado de consumo do produto.

Especial PascoaFique por dentro!

A partir desta quarta-feira (21), você confere todas as novidades do Salão de Páscoa 2015. Matérias, galeria de imagem e vídeos com todos os participantes (Brasil Cacau, Arcor, Cacau Show, Munik, Garoto, Kopenhagen, Lacta, Nestlé e Village), estarão disponíveis no Especial Páscoa, disponível na página principal do site Newtrade.

O post Exclusivo: As novidades das principais fabricantes para esta Páscoa apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/industria/exclusivo-novidades-das-principais-fabricantes-para-esta-pascoa/feed/ 0
Couromoda deve atrair 110 mil visitantes https://newtrade.com.br/industria/couromoda-comeca-nessa-segunda-feira/ https://newtrade.com.br/industria/couromoda-comeca-nessa-segunda-feira/#respond Mon, 12 Jan 2015 12:10:43 +0000 http://newtrade.com.br/?p=17781

Tendência para os lojistas nessa época é repor os estoques das vendas realizadas no Natal

O post Couromoda deve atrair 110 mil visitantes apareceu primeiro em Newtrade.

]]>

Com a previsão de receber mais de 110 mil visitantes, a 42ª Couromoda (Feira Internacional de Calçados, Artefatos de Couro e Acessórios de Moda), acontece de 11 a 14 de janeiro em São Paulo. Neste ano, o evento será realizado pela primeira vez no Expo Center Norte em São Paulo.

No caso dos calçadistas de Franca, a expectativa não poderia ser melhor. Todos querem alcançar na feira os resultados perdidos em 2014 e projetar boas vendas futuras a fim de manter os postos de trabalho existentes e, se possível, recuperar os que foram fechados. Segundo dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), até novembro, a indústria calçadista já havia perdido cerca de 4 mil vagas em relação ao mesmo período do ano passado. O Sindifranca (Sindicato da Indústria de Calçados de Franca) estima o fechamento de 8,7 mil vagas, considerando a sazonalidade de dezembro.

Para o diretor comercial da Jotape, José Alves de Castro Silva, a Couromoda direciona como será o ano e permite a apresentação das novas coleções. “O resultado depende do que você vai levar de novidade, do diferencial a ser apresentado. A expectativa é positiva e nós esperamos no mínimo empatar com o ano anterior, que foi considerado atípico.” Segundo Silva, em 2015 a fábrica aposta em uma tecnologia, aliando conforto e design. “Investimos alto. São 12 linhas novas, sendo uma delas 3D para sapatos casuais e sociais.”

Embora não revele o valor investido, o empresário Túlio Hajel, da Francajel, também diz ter apostado alto no desenvolvimento de novos produtos para expor na feira. O calçadista acredita que a feira trará o retorno aguardado, pois a tendência para os lojistas nessa época é repor os estoques das vendas realizadas no Natal. “Esperamos que o mercado corresponda. Na feira conseguiremos saber se o fim do ano foi bom, se os lojistas estão sem volume de estoque”, disse Hajel.

O post Couromoda deve atrair 110 mil visitantes apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/industria/couromoda-comeca-nessa-segunda-feira/feed/ 0
Luíz Bertella https://newtrade.com.br/nao-categorizado/luiz-bertella/ https://newtrade.com.br/nao-categorizado/luiz-bertella/#respond Thu, 17 Jul 2014 21:05:21 +0000 http://newtrade.com.br/?p=1236

Conseguimos estabelecer um forte vínculo com o setor atacadista distribuidor colocando a empresa em um importante patamar de negócios com nossos parceiros. A feira é uma ótima oportunidade para apresentarmos ao mercado todas as nossas novidades. Eu vou! Luíz Bertella, Diretor-Comercial da Santa Helena.

O post Luíz Bertella apareceu primeiro em Newtrade.

]]>

Conseguimos estabelecer um forte vínculo com o setor atacadista distribuidor colocando a empresa em um importante patamar de negócios com nossos parceiros. A feira é uma ótima oportunidade para apresentarmos ao mercado todas as nossas novidades.

Eu vou! Luíz Bertella, Diretor-Comercial da Santa Helena.

O post Luíz Bertella apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/nao-categorizado/luiz-bertella/feed/ 0
Fabricantes esperam faturar 30% a mais com a Copa https://newtrade.com.br/industria/fabricantes-esperam-faturar-30-a-mais-com-a-copa/ https://newtrade.com.br/industria/fabricantes-esperam-faturar-30-a-mais-com-a-copa/#respond Fri, 28 Mar 2014 15:27:08 +0000 http://www.grupoebc.com.br/fabricantes-devem-faturar-30-a-mais/ Empresas preparam novidades para o período
e esperam crescimento de até 30% nas vendas

O post Fabricantes esperam faturar 30% a mais com a Copa apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
A Copa do Mundo se aproxima e as empresas do setor de Amendoim já estão animadas. Com a expectativa de aumento no turismo e o clima festivo, os fabricantes esperam um crescimento de até 30% nas vendas do produto e investem alto em lançamentos e ações promocionais.

A Dori Alimentos deve crescer 30% em volume de produção na linha de amendoins. Materiais promocionais temáticos serão distribuídos nos pontos de venda em todo Brasil, visando à atenção dos mais diversos clientes e culturas. Já a Santa Helena aposta nas vendas dos aperitivos salgados, além de ampliar seu portfólio de produtos. A empresa está investindo em ações de comunicação, kits promocionais e brindes temáticos, e espera aumentar em 25% as vendas dos produtos. A carioca AGTAL prevê um crescimento de 30% .

Produto genuinamente brasileiro e de baixo custo, o amendoim está com o consumidor nas ocasiões de alegria e confraternização. Segundo pesquisa do IBOPE encomendada pela ABICAB em 2013, foi constatado que 66% dos brasileiros consomem amendoim, principalmente em ocasiões de confraternização como o encontro com amigos para assistirem e torcerem em partidas de futebol, por exemplo. “A Copa do Mundo assim como as festividades juninas no meio do ano são eventos que deverão impactar fortemente os negócios do setor. As indústrias estão bastante otimistas”, afirma André Guedes, vice-presidente de Amendoim da ABICAB.

O post Fabricantes esperam faturar 30% a mais com a Copa apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/industria/fabricantes-esperam-faturar-30-a-mais-com-a-copa/feed/ 0
Fabricantes de biscoitos se preparam para maior feira do setor https://newtrade.com.br/industria/fabricantes-de-biscoitos-se-preparam-para-maior-feira-do-setor/ https://newtrade.com.br/industria/fabricantes-de-biscoitos-se-preparam-para-maior-feira-do-setor/#respond Thu, 23 Jan 2014 09:04:46 +0000 http://www.grupoebc.com.br/fabricantes-de-biscoitos-se-preparam-para-maior-feira-do-setor/ Feira ISM deve gerar USD 9 milhões em negócios para o Brasil

O post Fabricantes de biscoitos se preparam para maior feira do setor apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
A ANIB (Associação Nacional das Indústrias de Biscoitos) estará presente na 44º ISM (International Sweets and Biscuits Fair), com as empresas Mabel/PepsiCo, Itamaraty, Marilan e Pandurata Alimentos (com as marcas Bauducco e Visconti). A ISM ocorrerá em Colônia, na Alemanha, entre os dias 26 a 29 de janeiro, sendo considerada a maior feira mundial do setor de biscoitos, cookies e wafers.  

A ação é fruto de uma parceria com a Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e investimentos) e visa fomentar novos negócios e incrementar a participação dos produtos brasileiros no mercado externo.

A expectativa é de que sejam gerados negócios no montante de USD 9 milhões de dólares, superando os números do ano passado. “Em 2013, foram USD 2,1 milhão, com perspectivas de USD 4,1 milhões para os 12 meses seguintes, representando um aumento de 45,2 % dos negócios gerados”, ressalta o presidente da ANIB, Alexandre Colombo.

A Feira deverá ultrapassar os mais de 1.400 fornecedores da edição anterior. “Nestes eventos, temos conseguido fortalecer a imagem dos produtos brasileiros internacionalmente e mostrar o potencial de nossas empresas”, afirma a diretora de exportações da ANIB, Fabiana Marino.

O post Fabricantes de biscoitos se preparam para maior feira do setor apareceu primeiro em Newtrade.

]]>
https://newtrade.com.br/industria/fabricantes-de-biscoitos-se-preparam-para-maior-feira-do-setor/feed/ 0